Livro Infantil traz receitas saborosas para crianças de 6 meses a 7 anos

A introdução alimentar pode parecer fácil, mas na hora de colocar em prática surgem todos os tipos de dúvidas. Afinal, qual é a maneira correta de fazer isso? Que tipo de alimento posso oferecer? Como dar conta de fazer um cardápio realmente nutritivo e, ao mesmo tempo, fazer com que meu bebê aceite comer?

Até mesmo profissionais experientes na cozinha podem travar diante dessa situação, como aconteceu com Bruna Leite. Chef de cozinha formada na Le Cordon Bleu de Paris, trabalhou em alguns dos melhores restaurantes do mundo, mas quando chegou a hora de preparar os pratos de seus gêmeos de 6 meses, não sabia por onde começar. “Já cozinhei no Noma, no D.O.M., mas quando vi aqueles dois bebês na minha frente eu travei.”

Essa situação trouxe para Bruna uma série de questionamentos que ela conta em “Pequenos Gourmets: + de 120 Receitas para se Apaixonar por Comida“, um livro com dicas, informações e dados sobre a educação alimentar na infância, além de receitas saudáveis e deliciosas para crianças de 6 meses até 7 anos.

Mais do que proporcionar um cardápio nutritivo para sua família, Bruna sempre quis transmitir a seus filhos aquilo que tanto amava: a paixão pela comida. Então, passou a estudar sobre o universo da culinária infantil ao redor do mundo e a criar receitas que fossem saudáveis e, ao mesmo tempo, que agradassem os pequenos. ´´Vai além do nutricional, estamos falando de paladar, de mostrar para a criança que comer é prazeroso, não estressante. Queremos criar bons hábitos, não rotinas rígidas.“

Para Bruna, ensinar uma criança a comer envolve todos os sentidos: o paladar, a visão, o olfato, o tato e até mesmo a audição. Precisa ser uma experiência agradável, feliz e estimulante, não só para o bebê, mas também para o adulto. Afinal, a criança aprende muito pelo exemplo. Mas como oferecer tudo isso com praticidade, com pais e mães que têm uma rotina cada vez mais corrida? Foi pensando nisso que Bruna reuniu em seu livro receitas nutritivas, muito gostosas e fáceis de fazer. “Sinto que as mães precisam de opções para o dia a dia e que as crianças realmente aceitem comer”, afirma a autora.

“Pequenos Gourmets: + de 120 Receitas para se Apaixonar por Comida” chega para inspirar, criar hábitos, dar mais autoconfiança às mães e proporcionar experiências e memórias gastronômicas para toda a família.

Sobre o autor

Bruna Leite é chef de cozinha, mãe de gêmeos e completamente apaixonada por comida. Formada na Le Cordon Bleu de Paris, trabalhou em alguns dos melhores restaurantes do mundo, como o Noma, em Copenhage, e o D.O.M., em São Paulo. Atualmente, presta consultoria gastronômica na elaboração de menus e apresenta palestras e bate-papos sobre gastronomia. Lançou, em 2020, a Academia do Paladar para compartilhar seu conhecimento de maneira didática com todos os que queiram conhecer mais sobre paladar e sabor. Com mais de dez anos de amor e dedicação à cozinha, ajuda a todos que queiram comer bem em casa, com aquele toque especial de chef, sejam pequenos ou grandes gourmets.

Obra: Pequenos Gourmets: Mais de 120 receitas para se apaixonar pela comida.
Autor: Bruna Leite
Formato: 21,5 cm x 22 cm
Número de páginas: 170
Preço sugerido: R$69,00

Livro Kitutu retrata a influência africana na cozinha brasileira.

O Brasil é o país fora do continente africano que reúne a maior afrodescendência do mundo. A importância na formação da culinária no Brasil fez com que o antropólogo e museólogo Raul Lody mergulhasse nos sabores e histórias da cozinha ancestral africana, tão presente na mesa dos brasileiros até hoje.

Esse acervo patrimonial da culinária africana está reunido no livro Kitutu: histórias e receitas da África na formação das cozinhas do Brasil. O autor discorre sobre mitos relacionados à comida e apresenta uma variada seleção de receitas – principalmente dos países lusófonos -, em um convite para que o leitor não apenas conheça os pratos tradicionais, mas também reconheça neles elementos que fazem parte do cotidiano.

O nome do livro refere-se à palavra “quitute”. Expressão muito utilizada para designar iguaria bem-feita, o termo é derivado da palavra kitutu, originária da língua quimbundo. A obra traz receitas doces e salgadas do norte da África (Magrebe), da África Ocidental, da África Atlântica-Austral e da África Oriental. Áfricas, que são grandes matrizes da cozinha brasileira. Com um texto saboroso apoiado por belas imagens, esta publicação do Senac São Paulo faz o leitor vivenciar paladares que refletem séculos de cultura. Por ali o leitor vai encontrar receitas conhecidas de longa data como Vatapa e Acarajé.

Raul Lody, 59, antropólogo e museólogo, é criador e curador do Museu da Gastronomia Baiana (Senac Bahia, 2006), museu pioneiro na América Latina. Representa, no Brasil, a International Commission on the Anthropology of Food (ICAF). Também é criador e coordenador do Grupo de Antropologia da Alimentação Brasileira da Fundação Gilberto Freyre. Seu livro Culinária Caprina (Editora Senac Nacional) foi considerado, em 2006, o melhor do mundo na categoria “single subject” pelo Gourmand World Cookbook Awards. Em 2008, com o livro Brasil Bom de Boca: temas da antropologia da alimentação (Editora Senac São Paulo), recebeu outro prêmio do Gourmand World Cookbook Awards, na categoria “melhor livro de literatura em gastronomia” do Brasil. Em 2009, organizou o livro Dendê: símbolo e sabor da Bahia e, em 2010, recuperou os originais e organizou nova edição do Dicionário do Doceiro Brasileiro, de Antonio José de Souza Rego (publicado originalmente em 1892), uma das obras mais importantes da história.

Kitutu: histórias e receitas da África na formação das cozinhas do Brasil Raul Lody
Páginas: 184
Preço: R$ 50
Onde comprar: http://www.livrariasenac.com.br

Livro reúne receitas para ajudar pessoas com restrições alimentares

Mudar um hábito alimentar é uma tarefa bastante difícil nos dias de hoje. Se o novo estilo for na contramão do que é praticado pela maioria das pessoas, torna-se quase impossível. É preciso estar muito bem informado sobre os benefícios que a mudança trará para conseguir lidar com os desafios que irão aparecer. Que vão desde comentários preconceituosos de pessoas próximas, até a falta de opções quando se vai a um restaurante ou a uma festa de amigos.

 A jornalista Juliana Carreiro, autora do blog Comida de Verdade, do Estadão, conhece bem esses desafios e conseguiu vencê-los com o apoio das receitinhas feitas pela família. A partir de uma iniciativa da mãe, a nutricionista Denise Madi Carreiro, deixou de consumir glúten, leite de vaca e açúcar há mais de dez anos e viu sua saúde e sua qualidade de vida melhorarem. Há 5 anos Juliana virou mãe e passou a cuidar da alimentação do filho e a ensinar as receitas que fazia em casa para pessoas que também não podiam consumir estes mesmos ingredientes: crianças pequenas, diabéticos, alérgicos, veganos, celíacos ou pessoas que, como ela, não digerem direito essas substâncias e sofre com os processos inflamatórios que elas causam.

O seu primeiro livro ‘Comida de Verdade – Receitas para todas as horas’, traz 90 opções doces e salgadas sem leite, sem açúcar e sem glúten, que vão desde o suco verde ou a vitamina com leite de inhame da manhã, até as preparações para uma festa, como bolo, brigadeiro, beijinhos, coxinha, esfiha, pizza, quibe, quiches, tortas. Também há pratos principais veganos e vegetarianos e opções para os carnívoros, como o picadinho de carne de porco ou o frango empanado na quinoa, as lancheiras dos pequenos não ficaram de fora com uma versão saudável dos petit suisse, um queijo feito com mandioquinha para rechear os lanches e algumas versões de pães e bolos para variar, “A ideia é dar opções saudáveis, práticas e gostosas para todos os momentos do dia, para que as pessoas tenham ferramentas para fazer as mudanças alimentares que precisam”, resume a autora.

O livro custa R$40,00 e é vendido pela internet, clica aqui.

Vogue lança livro fotográfico Food in Vogue

Vi e literalmente pirei! Uma das revistas mais fabulosas do universo, a Vogue, publicou recentemente um livro fotográfico, onde reuniu mais de 200 imagens de fotografia de comida. Todas elas foram tiradas ao longo de décadas, trazendo uma retrospectiva impactante, eu diria, quase antropólogica. Imagine poder curtir a evolução gastronômica através de grandes fotógrafos como  Irving Penn, Helmut Newton, James Wojcik, Raymond Meier e Tim Walker e chefs que ao longo dos anos contribuíram com suas criações em uma das revistas mais importantes do mundo da moda, incrivel não?

Entre uma foto e outra, você também poderá conferir alguns fragmentos de entrevistas conduzida pelo crítico gastronômico Jeffrey Steinberg, que também é um dos formadores de opinião da revista neste assunto. Segundo a editora, Anna Wintour: “(a comida) é parte do nosso mundo. Das nossas vidas. Nunca me ocorreu não inclui-la nas paginas de nossa revista”.

Infelizmente você não acha ainda por aqui, massssssssss o livro pode ser adquirido através da amazon.co.uk

Eu quero já!

Guia oferece roteiros pelo mundo para os apaixonados por vinho!

Eu curto um guia de viagem, sobrevivi há muitas trips, graças as expertises de quem os escreve, inclusive está na minha lista das “100 coisas para se fazer antes de morrer”, escrever um guia para gastroturistas, mas enquanto esta grande oportunidade não chega, vou indicar um que caiu nas minhas mãos, um guia bacanérrimo que servirá para quem está buscando as principais vinícolas mundo afora.

O livro “Viagens Vinho Histórias“, do blogueiro Milton Assumpção contém dicas das principais regiões produtoras de vinhos em países como França, Itália, Portugal, Argentina e Chile. Viajante apaixonado e amante de bons vinhos, o autor divide com os leitores recomendações e sugestões para que os turistas possam programar melhor suas viagens a essas regiões.

A linguagem é  simples, quase como um bate-papo entre amigos, o guia também contém dicas que ajudam também os viajantes menos experientes, orientando-os na escolha das regiões, melhor época para a viagem e em como marcar as visitas às vinícolas. “O conceito básico do guia é oferecer ao leitor recomendações e sugestões que o ajudem a programar melhor suas viagens”, explica Assumpção.

Se está procurando uma viagem com foco no enoturismo, este guia vai te ajudar e muitooooo!

Ficha Técnica
Título: Viagens Vinhos Histórias
Autor: Milton Assumpção
480 páginas- 2017