Icônico restaurante Nobu chega em São Paulo.

E mais um maravilhoso espaço gastronômico chega na Capital Paulista para alegrar nossos corações gourmets. O famoso restaurante japonês Nobu, acaba de aterrisar pela primeira vez na América do Sul, após 24 anos de sucesso em diversas capitais do mundo. Criado em 1994, da parceria entre o chef Nobuyuki Matsuhisa e o ator americano Robert De Niro, a marca da renomada cozinha nipônica foi lançada no bairro do Tribeca, em Nova Iorque, e hoje já conta com mais de 40 estabelecimentos em diferentes países. “Para mim, os fatores mais importantes são os consumidores e a paixão da criação. Digo sempre à minha equipe que não devemos nunca esquecer que a paixão e os desafios andam juntos – é assim que garantimos a satisfação dos clientes!” declara o chefe Nobu.

No Brasil, além dos tradicionais pratos da casa, como os clássicos Black Cod Miso e o Rock Shrimp Creamy Spicy, que estarão no menu do endereço brasileiro, o cardápio também conta com uma infusão de criatividade inspirada pela cultura brasileira, com a criação de alguns pratos exclusivos para o país, pois em cada região, Nobuyuki procura avaliar não apenas a qualidade mas também a diversidade dos peixes da região, se inspirando nos sabores locais.

Instalado no bairro do Jardins, a chegada da marca ao Brasil tem projeto encabeçado por Ester Endo, que tem como foco proporcionar uma experiência única aos seus clientes, em um ambiente moderno e descolado.

A giros em breve irá conferir! Imperdível ……

Serviço:
Local: Rua Haddock Lobo, 1573, Jardins, São Paulo – SP
Dias e horários de funcionamento:Terça-feira e quarta-feira, das 18h às 0h (cozinha das 19h às 23h);Quinta-feira, sexta-feira e sábado, das 18h às 01h (cozinha das 19h às 0h);Domingo, das 18h às 0h (cozinha das 19h às 23h)

2o edição Beef Week, em São Paulo!

Tem feriado chegando e um festival delicioso prestes a começar! Após sucesso em 2017, a Angus Beef Week volta a Capital Paulista entre os dias 15 a 25 de novembro e contará com a participação de diversos restaurantes especializados em carne de alta qualidade e que terão nestes 10 dias receitas desenvolvidas com cortes especiais Angus.

Participam desta edição 15 restaurantes, entre eles o Barbacoa que vai oferecer aos visitantes Assado de Tira com farofa de ovos e cebola (R$98,50); o restaurante Santo Dica Gastrobar que este ano vem com dois pratos preparados na churrasqueira – Assado de Tiras Angus), acompanhado por Batata Recheada (bacon e queijo) por (R$49,90) e a Kafta de Picanha Angus com molho de Gorgonzola (6un) – (R$ 24,90). A casa Tavares também traz uma novidade, o Entrecot Angus com purê de batata doce e chimichurri artesanal (R$69,00).

Em 2018,  este festival já foi realizado no mês de julho em Mato Grosso do Sul, com a participação de 26 restaurantes dos municípios de Campo Grande, Bonito, Dourados e Três Lagoas.

Se eu fosse você não deixaria passar esta oportunidade para apreciar uma boa carne nos melhores restaurantes de São Paulo.

Quer conhecer toda a programação? Clica aqui!

Banana Verde e sua gastronomia saudável.

E esta semana revisitei um dos primeiros restaurantes vegetarianos aqui da Vila Madalena, o Banana Verde. Desde 2006 ele oferece aos seus comensais comida natural, mas nos últimos anos a chef Priscilla Herrera inovou a sua cozinha com algumas receitas mais caprichadas, saindo daquela linha minimalista basiquinha dos menus vegetarianos. E a gente mais uma vez se surpreendeu!

Comecei o meu banquete com algumas entradas encantadoras e apetitosas do menu. Já comecei amando com a Guacamole com Chips de Banana (R$20,00). O visual me agradou muito, e além disso, tinha aquele colorido e frescor necessário que esta mistura mexicana necessita. Um purê cremoso, bem temperado e que funciona muito bem com a crocância adocicada dos chips de banana. Raspei a tigela!

Para quem é tarado por Cogumelos, tem que provar sua seleção com nirá, molho oriental, moyashi e amendoim (R$21,00). Veja bem, toda esta mistura vai incendiar a sua boca! Eu particularmente gosto da sinergia dos sabores fortes e pungentes com os mais suaves, e as texturas participantes dava um aconchego ao meu palato.

Todo o menu é instigante, com deliciosas diversidades, mas eu fui direto nas receitas que são especialidades da chef, entre elas o Bobó de Shimeji (R$55,00). Primeiro que o prato chega tão flower power que você fica com uma leve tristeza em ter que devorá-lo, mas compensa, porque a cada garfada desta mini moranga você vai sentindo aquele aroma baiano se misturando com a textura leve e delicada do cogumelo shimeji, que para mim tem gosto de mar, então não se apavore se você sentir um quê de “camarão” no ar. O purê de cará com queijo meia cura entra em ação, tirando você da zona da mesmice, e que delícia! A farofa de castanha com arroz bolinha com brócolis dão aquele complemento que sustentará seu apetite.

Mas o meu preferido da noite, cujo gosto eu ainda não esqueci, fica por conta da Flor de Abóbora (R$43,00). Ravióli de abóbora, queijo coalho orgânico, alho, manteiga de sálvia, castanhas do Pará e parmesão. É uma espécie de arrebatamento na sua boca. Sem contar a maciez da massa, com recheio levemente salgado contrapondo com o sabor doce da abóbora. As castanhas quebram a delicadeza do prato agregando uma potência saborosa quando se combina aos outros ingredientes. Receita muito gostosa!

Agora a melhor descoberta da noite para esta doceira viciada assumida foi descobrir que existe na face da terra um doce tão maravilhoso que, além disso, é sem açúcar! Um milagre confeiteiro! Risos… A Esfera de Chocolate (R$19,00), vem com ganache misturado com laranja e gianduia de amendoim. Laranja e chocolate sempre foi a química perfeita para mim, o cítrico e o amargo do chocolate, estupendo e sem açúcar. Prove sem pensar duas vezes!

Eu curto muito vir ao Banana Verde, sempre que chego tem um ambiente leve, um serviço relax e uma chef sorridente, que te oferece comida boa, gostosa e o melhor de tudo: leve em calorias e que te causa aquela sensação boa de ter comido algo saudável no seu dia. Ah! E tem um toque glamuroso, que a gente gosta né! E ainda se você tiver com espírito aventureiro, após um banquete aqui você ainda bate perna para comprinhas nas lojinhas charmosas do bairro. Acontecendo isso, garanto que seu dia será feliz, assim como foi o meu!

Serviço
Rua Harmonia, 278 – Vila Madalena, São Paulo
(11) 3814-4828
http://www.bananaverde.com.br/

Crédito Imagens: Roberto Salgado

Porque ir ao Prazeres da Mesa 2018?

E no próximo final de semana (9 a 11), um dos eventos gastronômicos mais relevantes da América Latina vai acontecer e o melhor?! Estará ao alcance de todos que estão afins de novas e inesquecíveis experiências palatinas.

Te darei alguns motivos para não perder o  Prazeres da Mesa deste ano:

A melhor chef Mulher da América Latina vai estar lá, Pia Léon, do restaurante Central, localizado em Lima, no Peru.

Vai ter aulinha com o nosso queridíssimo chef Alex Atala e se você tiver uma puta sorte ainda consegue uma selfie com ele!

Grandes confeiteiros brasileiros estarão no Doce Mesa, um deles será meu amigo Lucas Corazza, que revelará algumas de suas criações, onde todo mundo com certeza ficará babando! Por lá também vai aparecer sua parceira do programa Que Seja Doce, a Carole Crema.

A criançada terá um espaço reservado no Mesa, ou seja, eles poderão ter aulas com chefs, oficinas e palestras interativas. E toda esta programação será gratuita!

Vai ter enóloga francesa na parada. A importadora brasileira Anima Vinum, a única dedicada exclusivamente aos vinhos de pequenos produtores da Borgonha, trará a São Paulo a enóloga Agnès Paquet, do vinhedo Domaine Paquet. Durante sua passagem por São Paulo, a enóloga fará duas degustações. A primeira será no dia 6 de novembro, na unidade de Moema da Anima Vinum e custa 238 reais. A segunda será no dia 8, na Casa Comitê a e custa 278 reais.

Vai ter jantar Magno com um monte de chef legal, um deles irá rolar no Hotel de luxo Four Seasons São Paulo. No dia 7, os convidados serão recebidos com drinques de boas-vindas a partir das 20h. Na sequência, será servido um jantar preparado a 10 mãos pelos chefs Juan Gaffuri (Four Seasons; Buenos Aires, Argentina), Marcia Garbin (Gelato Boutique; São Paulo, SP) Ivan Ralston (Tuju; São Paulo, SP), Paolo Lavezzini (Four Seasons; São Paulo, SP) e Thomas Troisgros (Olympe e T.T Burger; Rio de Janeiro, RJ) e harmonizado com vinhos da Concha y Toro.

Queridissimo vai ter muitaaaaaaaaaaaaa coisa bacana, dá uma olhada na programação completa, clicando aqui!

A gente se vê por lá!

Mesa São Paulo
Memorial da América Latina, Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664, Barra Funda, São Paulo, SP

Livro reúne receitas para ajudar pessoas com restrições alimentares

Mudar um hábito alimentar é uma tarefa bastante difícil nos dias de hoje. Se o novo estilo for na contramão do que é praticado pela maioria das pessoas, torna-se quase impossível. É preciso estar muito bem informado sobre os benefícios que a mudança trará para conseguir lidar com os desafios que irão aparecer. Que vão desde comentários preconceituosos de pessoas próximas, até a falta de opções quando se vai a um restaurante ou a uma festa de amigos.

 A jornalista Juliana Carreiro, autora do blog Comida de Verdade, do Estadão, conhece bem esses desafios e conseguiu vencê-los com o apoio das receitinhas feitas pela família. A partir de uma iniciativa da mãe, a nutricionista Denise Madi Carreiro, deixou de consumir glúten, leite de vaca e açúcar há mais de dez anos e viu sua saúde e sua qualidade de vida melhorarem. Há 5 anos Juliana virou mãe e passou a cuidar da alimentação do filho e a ensinar as receitas que fazia em casa para pessoas que também não podiam consumir estes mesmos ingredientes: crianças pequenas, diabéticos, alérgicos, veganos, celíacos ou pessoas que, como ela, não digerem direito essas substâncias e sofre com os processos inflamatórios que elas causam.

O seu primeiro livro ‘Comida de Verdade – Receitas para todas as horas’, traz 90 opções doces e salgadas sem leite, sem açúcar e sem glúten, que vão desde o suco verde ou a vitamina com leite de inhame da manhã, até as preparações para uma festa, como bolo, brigadeiro, beijinhos, coxinha, esfiha, pizza, quibe, quiches, tortas. Também há pratos principais veganos e vegetarianos e opções para os carnívoros, como o picadinho de carne de porco ou o frango empanado na quinoa, as lancheiras dos pequenos não ficaram de fora com uma versão saudável dos petit suisse, um queijo feito com mandioquinha para rechear os lanches e algumas versões de pães e bolos para variar, “A ideia é dar opções saudáveis, práticas e gostosas para todos os momentos do dia, para que as pessoas tenham ferramentas para fazer as mudanças alimentares que precisam”, resume a autora.

O livro custa R$40,00 e é vendido pela internet, clica aqui.