Conheça o restaurante High Tech: comandado por andróides fofos!

E mais um daqueles restaurantes temáticos e curiosos, que faz qualquer gastroturista por excelência, querer ir a qualquer custo! rs….O high tech aparentemente é um restaurante normal….com exceção dos garçons e cozinheiros, que são constituídos por 20 robôs de diferentes aparências, mais de dez tipos de expressões faciais e com capacidade de receber os clientes com variadas frases de efeito….rs

china food

O local, localizado na cidade de Harbin, no norte da China, vem chamando atenção dos turistas que visitam o país asiático, pela ousadia de introduzir androides na vida diária dos cidadãos. Os engraçadinhos estão programados para cozinhar ravióli chinês, preparar massas, fritar verduras, entregar pedidos, levar cardápios de pratos e bebidas, entre outras pequenas funções. No cardápio, estão mais de 30 opções de pratos com preços na faixa dos R$ 15…..

china food1

De acordo com Liu Hasheng, dono do restaurante, eles também possuem capacidade de colocar uma quantidade adequada de sal aos pratos, além de controlar a temperatura do óleo na hora de fritar… eles são QUASE perfeitos, só precisam de ajudinha na hora de cortar verduras e carnes…..

Os trabalhadores do restaurante possuem inteligência similar a de uma criança de quatro anos e são capazes de funcionar por cinco horas ininterruptas depois de uma recarga de duas horas. Cada robô tem entre 1,30 e 1,60 metros de altura e custou entre 200 mil e 300 mil iuanes, o equivalente a aproximadamente R$ 65 mil. O projeto, elaborado pela empresa Harbin Haoai, custou no total 5 milhões iuanes, cerca de R$ 1,6 milhões.

china food2

Dica final de semana: Chefs celebram o Pinhão em Visconde de Mauá

Ta afins de dar uma escapadinha e pegar a estrada…..pois lá vai uma super dica para os gastroturistas de plantão…Neste final de semana a vigésima edição da Temporada do Pinhão em Visconde de Mauá chega ao seu momento alto.

O charmoso município, localizado na região serrana do Rio de Janeiro, receberá importantes chefs para atividades ligadas à gastronomia e voltadas para o público local. A programação valoriza a utilização do pinhão, semente da Araucária, árvore típica da área. Desde 1992, a chef Mônica Rangel, do restaurante Gosto com Gosto, organiza o evento com o objetivo de difundir e preservar a cultura culinária da região.

Bolo Montanhês com sorvete de pão de Pinhão, da Fazenda do Mel

O cronograma de sexta a domingo será intenso e contará com a participação de quinze chefs de onze estados do país. São eles: Alice Mesquita – consultora/DF; Carolina Oda – consultora/SP; Conceição Neroni – Marguta Citta/RJ; Daniela Martins – Lá em Casa/PA; Flavia Quaresma – consultora/RJ; Guga Rocha – consultor/SP; Heiko Grabolle – consultor/SC; Joca Pontes – Ponte Nova/PE; Marcia Pinchemel – consultora/GO; Renata Theophilo – SP; Rodrigo Martins – Vino/SP; Tanea Romão – Kitanda Brasil/MG; Teresa Corção – Navegador/RJ; Tereza Paim – Terreiro Bahia/BA; Wanderson Medeiros – Picuí Gourmet/AL e SE. As atividades vão desde aulas show, apresentação de produtos regionais, jantares e o tradiconal concurso gastronômico, que promove os cozinheiros locais.

O vigésimo aniversário da Temporada do Pinhão é apresentado pelo Ministério da Cultura e o Grupo CCR – Nova Dutra, sendo promovido pela Associação Comercial de Visconde de Mauá com apoio do SEBRAE/RJ, Governo do Estado do Rio de Janeiro e Supermercado Zona Sul. O evento se estende durante todo o mês de maio com diversas ações sócio-culturais e ambientais. Destaque para o Programa Sabor, Arte e Meio-Ambiente que oferece oficinas gastronômicas para todos os alunos do Ensino Fundamental e Médio de Visconde de Mauá.

Veja a programação gastronômica completa do festival. E Boa Viagem!

Crédito Imagem: Ligia Skowronski


Torne-se um Gastroturista!

Acabei de descobrir que sou uma “gastroturista”…rs….e o que seria isso exatamente?! Simples…são pessoas que buscam em suas viagens atrativos da culinária local, seja ela sofisticada, de rua, ou com gosto de novidade….

Os gastroturistas estão mais interessados em vivenciar a gastronomia de outros lugares, do que posar para fotos em pontos turísticos….rs….embora aqui caiba um parêntese “eu amo fotografar lugares turísticos”….rs….

Na pratica o “gastroturismo” pode ser vivenciado em qualquer lugar da face da terra…porque em qualquer região podemos encontrar bons restaurantes…pessoas desta tribo jamais viajam sem uma lista enorme de boas opções gastronômicas. Afinal comer é uma coisa séria….rs

E engana-se quem acha que os adeptos são somente gulosos de plantão! A gastronomia de uma cidade é o reflexo de sua história, cultura, economia e religião….Eu particularmente entendo que para se conhecer um lugar de verdade, é necessário conhecer os seus hábitos alimentares…Portanto lá vai o conselho desta “pobre jornalista”…experimente fazer na suas próximas férias uma viagem gastronômica, garanto que ela terá uma energia mais exótica e poderá lhe causar boas e doces surpresas.

E este tipo de viagem anda tão em alta, que já existem agências que oferecem este tipo de roteiro como a Goutê, que fica em São Paulo e a Al Mondo….Mas atenção para realizar tais aventuras, você precisará ter uma conta bancária folgada…rs….Como nunca é meu caso, eu prefiro planejar as minhas por conta própria e passo meses pesquisando sobre a cidade que irei conhecer e/ou visitar….até porque atualmente eu faço roteiros para o blog e para a minha coluna Giros, com o objetivo de facilitar a vida dos meus leitores…rs…by the way e faço com muito prazer, ou melhor faço com todo prazer do mundo….kkkk

Em resumo torne-se um gastroturista e volte sempre com a barriga cheia! Rs

Beijos