Adeus Diva!!!

Hoje acordei e logo de cara me deram uma notícia que choquei! Elizabeth Taylor havia morrido….e vale a pena mencionar a reflexão do meu rámigo Marcos “Achei que ela tinha pacto com o Diabo para viver para sempre”…………

Eu a adorava como atriz e Liz sempre foi um dos meus preferidos exemplos de mulher moderna….Fez o que quis, casou-se com quem quis, foi uma ativista sem medo….iluminou-se com todas as jóias possíveis e imaginárias, e de quebra tinha a cor dos olhos mais bonitos que eu já vi nesta existência (olhos de cor azul-violeta)….

Natural de Londres (of course!), veio com a família para os Estados Unidos em 1939. Foi descoberta aos 10 anos pela Universal Pictures, e não parou mais…..Em todo o trajeto de sua vida foi reverenciada como uma das mulheres mais bonita de todos os tempos…foi cercada por intenso glamour e amores.

Foi pioneira no desenvolvimento de ações filantrópicas, levantando fundos para as campanhas contra a AIDS a partir dos anos 80, logo após a morte de Rock Hudson. A despeito de ter nascido fora dos EUA, em 2001 recebeu do presidente Bill Clinton a segunda mais importante medalha de reconhecimento a um cidadão norte-americano: a Presidential Citizens Medal, oferecida pelos seus vários trabalhos filantrópicos

Liz Taylor representou o glamour de Hollywood com a sua interpretação de Cleópatra no monumental filme de mesmo título (1963)……filme inesquecível para mim, e que vale uma reprise no dia de hoje, singela homenagem desta pobre mortal….

Descanse em paz Diva!