Especial Giros: A Cozinha Caprichada da Serra da Mantiqueira.

A Serra da Mantiqueira é um dos lugares mais interessantes para ser explorado pelos turistas gastronômicos de plantão. As cidadezinhas que compõem este cenário, além de serem charmosas,  são locais ideais para a prática do ecoturismo e do turismo de aventura, oferecem aos seus visitantes um cenário gastronômico que sempre está se atualizando, trazendo menus variados e recheados de boas surpresas.

Estivemos recentemente nas cidades de Campos do Jordão e Santo Antônio do Pinhal e fomos conferir de perto os novos festivais invernais que alguns restaurantes da região estão oferecendo. Confira as nossas experiências imperdíveis.

Café do Bosque

Este simpático café em Campos do Jordão chamou a nossa atenção por dois motivos inspiradores: o  primeiro deles é que ele fica localizado na entrada do Bosque do Silêncio, além de um nome que nos acalma,  um parque de grande beleza natural com muitas araucárias e pinhos bravos, com espelhos d’água em um trecho de mata atlântica –  além dos sons de pássaros e outros bichinhos que por ali habitam. Vá com tempo para visitar este lugar encantador.

O segundo motivo para visitar o lugar é a confeitaria feita pela chef Andrea Aires, de uma técnica precisa e equilibrada, Andrea sabe aperfeiçoar receitas consagradas como o Bolo Trufado e  Cheesecake de frutas vermelhas –  estecom corte perfeito, textura cremosa e aerada na medida certa. Mas sua cozinha também oferece lanches, almoços com produtos locais, destaque para a deliciosa Tábua de Frios com especialidades regionais como o suculento Grand Padano, ótimos cafés e achocolatados. Vale dizer que o espaço também oferece Veggie Food, experimentei um delicioso Estrogonofe de abobrinha e shitake pelo qual caí de amores. Passamos uma tarde maravilhosa por ali. Recomendo!

 

Pet Friendly!
Avenida Senador Roberto Simonsen 1724- Campos de Jordão. @cafenobosquecamposdojordão

Rancho Zig Zag

Santo Antônio do Pinhal é outra cidade preciosa quando visito A Serra da Mantiqueira, e desta vez foi especial porque descobri outro lugar pitoresco para quem busca uma mesa farta e cheia de boas surpresas:  a cozinha da chef Jucelia Costamanso é indispensável para osgastroturistas” que visitam a cidade. Neste lugar além de uma experiência gastronômica incrível, você terá uma vivência direta com a natureza local. Pelo Jardim no entorno do restaurante você verá uma horta colorida e árvores com redes espalhadas para quem busca uma siesta antes de ir embora.

De entrada não dispense o levíssimo Kibe Vegetariano (R$35,00), feito com pinhão, brócolis e Damasco ou uma de suas deliciosas Bruschettas em pão rústico (R$39,00) –  a minha preferida foi a feita com Brie, chutney de damasco e Lâminas de amêndoas –  um trio que traz um agridoce e uma crocância perfeitos para abrir o apetite. Entre os pratos principais não deixe de provar a Lasanha de Shitake (R$65,00 serve 02 pessoas) e o Arroz Caldoso de especiarias (R$80,00 serve 02 pessoas), um prato perfeito para o inverno! E se ainda tiver disposição para uma sobremesa finalize com seu Brownie (R$35,00), de um marrom escuro brilhante, casquinha crocante por cima e úmido por dentro. Perfeito!

Vale também mencionar que dentro do complexo do rancho, existem chalés onde você pode se hospedar aos finais de semana; a hospedagem inclui o café da manhã também preparado pela chef com o mesmo capricho dispensado ao menu do seu restaurante. Experiência que em breve vivenciarei e conto com vocês. Um pedacinho do paraíso que vale conhecer!

Rua do Lageado, 51- Santo Antônio do Pinhal
Aberto somente aos sábados e domingos das 11:30 as 18h.
www.ranchozigzag.com.br

Donna Pinha

O lugar que existe desde 2011, tem como filosofia desvendar os sabores requintados da Serra da Mantiqueira, pois a chef Anouk possui uma ligação profunda com esta terra, sua principal inspiração. O restaurante tem a cara da cidade, ambiente rústico e aconchegante, paredes envidraçadas, um jardim legal e muitas árvores para tirar um cochilo na rede. Também vale mencionar a adega do lugar – o bacana aqui é que você vai lá e escolhe seu próprio rótulo, sem interferências, são milhares de boas opções  com preços bem camaradas.

A cozinha do restaurante serve pratos que acolhem o paladar e saciam a vontade. Trutas grelhadas são feitas com distintas combinações. A Linguiça de Truta (R$38,90), servida na pedra, é uma ótima opção de entrada.

O Couvert oferece pão de fermentação natural, feito na casa, com 08 tipos de patês(R$19,80 por pessoa). E aos que não resistem a uma carne, o Medalhão Donna Pinha (R$79,80), com um delicioso molho de pinhões al dente, arroz negro e batatas sautée é ótima pedida.

 

E o melhor Bolo de Lavanda (R$24,80) você vai comer aqui.  Toda vez que visito Santo Antônio Do Pinhal dou um jeito de dar uma paradinha aqui para me esbaldar com esta sobremesa leve e com uma combinação de especiarias que trará uma explosão doce ao seu paladar.

O lugar é alto-astral e conhecer a chef lhe trará mais afeto durante a sua experiência!

Av. Antônio Joaquim de Oliveira, 647 – Centro, Santo Antônio do Pinhal – SP
www.donnapinha.com.br

Vivaah

E em nosso último dia outonal, fui conhecer o Restaurante Cozinha Vivaah, localizado no bairro Recanto das Araucárias, em Campos do Jordão. Este lugar tem a proposta de ser um espaço intimista e oferecer um atendimento carinhoso aos seus visitantes. Em funcionamento desde 2017, ele é comandado pela chef Lia Madeira e oferece um cardápio repleto de opções de pratos deliciosos e autorais.

No Vivaah fui agraciada com um dos melhores Pães de couvert que eu provei nos últimos tempos, não dispense. O pão é feito pelo método natural de fermentação e queijo gorgonzola, que chega quentinho a mesa com manteiga saborizada. Estupendo!

Outra entrada apetitosa e que harmoniza bem com as cervejas artesanais que o próprio restaurante fabrica em um anexo no subsolo do espaço é o Palitinho de Tapioca com queijo coalho e geléia de pimenta (R$45,00), crocante e leve.

Algo para aquecer seu estomago neste inverno é o Risoto de pato com cogumelos e nozes (R$85,00) preparado pela chef, um primor de técnica com ingredientes que  dialogam harmonicamente. Outra sugestão seria a Truta (peixe local) com risoto cítrico e molho de frutas vermelhas – leve e saboroso para quem ama sabores cítricos. E finalizamos com a Banana VIvaah (R$28,00), fruta perfeitamente empanada, mergulhada em um doce de leite bem levinho e cremoso.

Para reservas e mais informações sobre o Restaurante Cozinha Vivaah, entre em contato pelo Whatsapp (12) 99210-7457

Atendem apenas com reserva!

Credito Imagens: Cal Ferrari

Botanique Hotel reabre nessa quinta, dia 4 e já recebe reservas para a temporada de inverno.

 

A Home Away from Home” – assim se define o Hotel Botanique, na Mantiqueira, ao anunciar sua reabertura para a próxima quinta-feira, dia 4 de junho, e ao reativar suas reservas para a temporada de inverno.

Protegido, seguro e operando com as mais rigorosas especificações de higienização e segurança de todas as suas atividades operacionais, o hotel já contabiliza muitos pedidos de reservas e está pronto para receber hóspedes em suas 16 suítes e villas, num entorno privilegiado no belo Triângulo das Serras, entre os municípios de São Bento do Sapucaí, Santo Antonio do Pinhal e Campos do Jordão.

“Somos um destino para escapada e refúgio durante a pandemia, com total segurança tanto para os hóspedes quanto para os colaboradores que atuam neste fase de reabertura. Pela nossa localização, num verdadeiro santuário ecológico e protegidos pela natureza, temos aqui todos os elementos para que os hóspedes desfrutem com segurança de toda esta abundância de natureza”, comenta Fernanda Ralston Semler, sócia e idealizadora do empreendimento.

Mesmo antes da pandemia, o hotel nunca foi um local de aglomeração, e por ter suítes e villas amplas para casais e famílias, além de diferentes espaços para reclusão e privacidade, segue configurado para manter seus hóspedes em situação de exclusividade e privacidade.

Áreas verdes ao ar livre, espaços generosos e amplos, espaçamento resguardado entre hóspedes e colaboradores, horários exclusivos para atividades de Spa, são algumas das prerrogativas que o Botanique adotou para poder retomar sua operação e seguir sendo um destino para escapadas durante a pandemia. O café da manhã, já era servido habitualmente no apartamento, e é uma das experiências mais gratificantes, motivo de elogios e contentamento dos hóspedes.

As diárias partem de R$ 1.720,00 durante a semana e R$ 2500, 00 em finais de semana (o apto), com mínimo de duas noites, + taxas.  Inclui café da manhã e mini-bar.

Serviço:

Botanique Hotel & Spa – www.botanique.com.br
Endereço: Rua Elídio Gonçalves da Silva, 4000 Bairro dos Mellos
Campos do Jordão – SP
(12) 3662.5800

 

2o Petit Festival de Altitude acontece neste final de semana em Gonçalves.

E se você esta buscando algo diferentão para este inicio de férias “invernal”?!? que tal cair na Serra da Mantiqueira e conferir um dos festivais mais bacanas que ocorre por estas bandas?!

A aconchegante Gonçalves, na Mantiqueira sul mineira, recebe neste final de semana a 2a edição do Petit Festival de Altitude, um evento que celebra todas as formas artesanais de cultura e gastronomia. Com início na proxima sexta-feira, dia 5 de julho, o festival traz em sua programação exposições, oficinas, shows, palestras e feira de produtos regionais que serão realizados em diversos estabelecimentos da cidade e da zona rural, além de praças públicas.

Com o objetivo de proporcionar o acesso às mais diversas manifestações artístico-culturais, o Petit Festival de Altitude teve sua 1a edição em fevereiro deste ano e busca aproximar e acolher artistas, moradores e turistas que pretendem ter um contato com uma vida mais simples e experiências sensoriais únicas. Para isso, preparou uma programação extensa para o público interagir com as mais variadas formas de arte. “A nossa expectativa é que a gente fortaleça mais a diversidade de estilos musicais e artísticos e de coletivos e iniciativas, queremos ter várias vertentes artísticas e proporcionar uma experiência sensorial mais rica e mais completa”, explica Vera Pena, do Armazém São Bento, uma das idealizadoras do projeto.

O festival começará na sexta, as 21hs, com o Giro na cidade. Já no sábado, domingo e segunda-feira, moradores da região e turistas desfrutarão de uma intensa programação que começa às 10h e se estende até a noite em diversos locais da cidade e da zona rural. Para as crianças, haverá oficina e apresentação teatral, já os adultos poderão visitar exposições, participar de palestras e oficinas, visitar feira de produtos regionais e curtir shows que vão desde o choro até a musicalidade itinerante de Cäo Laru, banda franco-brasileira que volta a se apresentar na cidade depois de um tour por diversas regiões do país.

Confira a programação completa:

Sexta-feira, 5 de julho
21h: Giro na cidade com Amauri Falabella – Local: Janelas com Tramela

Sábado, 6 de julho
12h às 18h: Feira de Produtores Artesanais de Alimentos, Bebidas e Artesanatos – Local: Armazém São Bento
14h: Palestra e degustação de azeites com Carlos Diniz – Casa Mantiva Azeite e Azeitonas – Local: Armazém São Bento
16h: Oficina: Bebidas Quentes e Especiarias com Fernanda Kurebayashi – Local: Armazém São Bento
16h: Oficina de Mágica com Luan Vizotto – Local Armazém São Bento
Em seguida, Apresentação de Mágica – Local: Praça São Benedito
17h: Oficina: Pães artesanais com Guta Ribeiro (Dona Rosa Mineirices) – Local: Armazém São Bento
21h: Show Cao Laru – Local: Libertas Atrás do Alto

Domingo, 7 de julho
10h: Celebração Mundial das Danças Circulares com Lúcia Souza, Maria Vangela e Andrea Leoncini – Local: Praça da Matriz
11h: Oficina: O planeta agrade, com Amariles Vitale – Local: Armazém São Bento
11h: Musikalevala com Guilherme Lamas e Eduardo Pereira – Local: Espaço Kalevala
12h: Apresentação teatral “O planeta agradece”, com Amarilis Vitale – Local: Armazém São Bento
12h às 18h: Feira de Produtores Artesanais de Alimentos, Bebidas e Artesanatos – Local: Armazém São Bento
14h: Concerto-vivência: músicas do mundo com a banda Cao Laru – Local: Armazém São Bento
15h: Giro na cidade com Guilherme Lamas + Eduardo Pereira (choro) e Amauri Falabella  com participações especiais de Alma Caipira e Lira Nossa Senhora das Dores – Local: Praça São Benedito
17h: Oficina: Gastronomia na Mantiqueira, com Victor Pompeu – Local: Armazém São Bento
20h: Giro na cidade com Amauri Falabella – Local: Restaurante Sauá

Segunda-feira, 8 de julho
15h: Dedo de prosa e verso com Amauri Falabella – Local: Armazém São Bento
16h30: Essa tal prosperidade, com Cesário Horta e Marcelo Guimarães – Local: Armazém São Bento
19h: Giro na cidade: música, fogueira, caldo e pinhão com viola de Amauri Falabella e voz, violão 7 cordas, choros, sambas e outras bossas de Guilherme Lamas – Local: Armazém São Bento

Para mais informações, entre em contato pelo armazemsaobentomg@gmail.com ou pelo whatsapp (35) 99992-9361.

A cozinha caprichada da Donna Pinha!

No último final de semana estive na fofíssima cidade de Santo Antônio do Pinhal para conferir o Festival de Alcachofra que a chef Anouk Vasconcellos realiza todos os anos em seu delicioso restaurante, o Donna Pinha.

O lugar que existe desde 2011, tem como filosofia desvendar os sabores requintados da Serra da Mantiqueira, onde a chef possui uma ligação profunda com esta terra, sua principal inspiração. O restaurante tem a cara da cidade, ambiente rústico e aconchegante, paredes envidraçadas, um jardim legal e muitas arvores para tirar um cochilo na rede. Também vale mencionar sobre a adega do lugar; o bacana aqui é que você vai lá e escolhe seu próprio rótulo sem interferências, são milhares de opções bacanas e com preços bem camaradas, não deixe de visitar!

Iniciei meu almoço pedindo uma das entradas do menu do festival, que vai estar presente na Donna Pinha até o dia 02 de novembro. Flor de alcachofra com gorgonzola e gratinado com parmesão (R$36,80) ë quase impossível comer uma só, embora sirva legal para duas pessoas. Além de uma apresentação linda, esta hortaliça estava muito cheirosa, as folhas eram firmes e brilhantes e suas pontas bem aparadas facilitam na medida que se chega ao fundo da flor comestível que é a parte mais saborosa e exótica da flor e o recheio feito com os queijos de sabor intenso causam um impacto de sabores e texturas que beiravam a perfeição. Uma iguaria delicada e refrescante, amei! E uma intervenção amiga, esta entrada deve ser deliciada aos poucos, não tenha pressa em devora-la, cada pétala carnuda deve ser apreciada!

Outra dica do Festival mais apetitosa Carré suíno com alcachofra em redução de vinho, acompanha purê de mandioquinha (R$46,80). Não se assuste com o tamanho do prato, a chef diz que aqui os comensais devem se fartar de boa carne, e foi exatamente isso que aconteceu; carne suculenta, pincelada com intenso molho de vinho e os pedacinhos da flor estavam macios, e repletos de sabor. Não curti muito o purê, para mim faltou cremosidade, sua textura rustica não fez a minha cabeça, desequilibrou a receita.

Para quem quer pegar mais leve existe um menu que tem como destaque muitas receitas à base de truta, então provei a Truta defumada gratinada com brie, nozes e mel. Acompanha mix legumes (R$53,80). Minha receita preferida do dia, carne do peixe tenra e seu sabor delicado foi realçado pelo doce do mel e textura refinada do queijo, as nozes deram o toque especial. O mix de legumes orgânicos estava lindo, macios e com gosto de terra. E tudo retirado das hortas locais, então imagine um prato cheiroso, fresco e brilhoso, era este, um sonho!

Tem uma sobremesa aqui do cardápio que é imbatível, o Arroz doce da Donna Pinha (R$14,80), sem exagero, foi a melhor releitura que já provei deste doce asiático,  e o daqui é feito com arroz negro e molho cítrico feito de maracujá que dá uma quebrada no sabor intenso da sobremesa. 

E aproveite também para provar o Bolo de lavanda e creme de limão siciliano com papoula e sorvete de creme (R$16,80), que bolo perfeito para acompanhar um bom cafezinho. Massa fofinha, úmida, recheio digno de um confeiteiro para lá de talentoso e aromático. O bolo é uma tradução autentica de comfort food. Tomara que a chefe não tire do seu menu tão cedo.

Lugar delicioso, arejado e lotado de pessoas gentis. Aqui na Donna Pinha a regra é muito simples; oferecer comida boa para deixar as pessoas felizes! Um bom lugar para se conhecer em uma cidade que despertará todos os seus sentidos. Volto sempre feliz a São Paulo, recomendo!

Serviço
Avenida Antônio Joaquim de Oliveira, 647 – Centro, Santo Antônio do Pinhal – SP
Telefone(12)3666-2669

Horário: segunda-feira   10:30–17:00
terça-feira          10:30–17:00
quarta-feira       10:30–17:00
quinta-feira       10:30–17:00
sexta-feira         10:00–00:00
sábado 10:00–00:00
domingo             10:00–18:00

www.donnapinha.com.br

Crédito Imagens: Roberto Salgado