Solteira e Feliz!!!!

Ontem (dia 11) fui entrevistada pelo programa “Dia-a-Dia” para revelar sobre a vida de uma mulher bem sucedida e solteira….risos, acho engraçado tentar convencer as pessoas acreditarem que uma mulher após os 30 anos pode ser solteira e definitivamente FELIZ……é o meu caso, jurooooooo….tanto à prova que o primeiro nome cotado para falar sobre isso na TV Bandeirante foi o meu e o aceitei…..nem sei bem o porque aceitei, mas talvez nas profundezas dos meus pensamentos algo me dizia que eu deveria passar este recado aos mais necessitados…risos….eu sei que várias mulheres solteiras, separadas, viuvas falam, escrevem, gritam todos os seus dissabores com o universo masculino e de como a coisa tá feia…e eu sempre emito a mesma opinião que o segredo é impor prioridades sem afastar as possibilidades….É assim mesmo, os valores mudam. Por exemplo, com o passar dos anos você não vai necessariamente querer que ele tenha um mestrado, qualquer extensão lato sensu vai estar valendo, depois a vida financeira pode não ser aquela maravilha, depois o emprego pode não ser no Itamarati. Oras, já que eu estou dando a dica, vamos mover a vida antes que você chegue aos 50 e arranje um cara de 20 – não que eu tenha algo contra, na verdade acredito muito em relacionamentos dessa natureza considerando o appeal sexual de homens e mulheres, mas isso é para depois. Por enquanto sejamos realistas e aceitemos “o que não se pode fugir de”: todo mundo quer um amor para chamar de seu.  
Em outros tempos, ser balzaquiana significava ser solteirona, ou então casada, não mais dona de si, rainha e escrava do lar. Contudo, a expressão hoje parece ter adquirido outra conotação, pois uma mulher de 35 anos, pelo menos em algumas sociedades, já são mais independentes, casam-se  tarde, por opção, separam-se quando o casamento não vai bem, transam quando têm vontade, não só por amor, saem sozinhas sem se preocupar com a censura da vizinhança, são mães solteiras, e reconhecem que ainda são jovens, e com isso também podem ser atraentes. Como diz o escritor Balzac, uma mulher de trinta anos tem atrativos irresistíveis para um rapaz… A mulher de trinta e poucos anos pode se fazer jovem, desempenhar todos os papéis, ser pudica e até embelezar-se com a desgraça“. Em resumo da ópera eu não troco a minha velha bunda cansada e caída….por uma de 20 anos…juroooooooooo…… Hahahaha quem quiser ver a entrevista na ìntegra, ela vai acontecer na TV Bandeirantes, na próxima sexta feira entre 8 hs e 11 hs da manhã…….
Beijo Gente e lembre-se “Pratique a Gentileza” Segue video Caseiro produzido pela amiga Monica da entrevista
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *