Guinness Book…..

Confesso nunca entendi muito bem a fascinação das pessoas pelo livro Guinness Book…. O que será que as levam a desejarem quebrar recordes dos mais diferentes e engraçados?!? Hoje li sobre um destes tais recordes e confesso adorei a idéia.

A fábrica japonesa de chocolate, Meji Seika Kaisha entrou nesta lista porque construiu o maior painel de publicidade de plástico do mundo….42 mega pedaços de chocolate…que daria para alimentar o Japão inteiro……Guerilha de MKT? Sei lá, mas que me deu uma vontade absurda de comer doce…….ahhhhhh isso deu!

Bem em seguida me bateu uma curiosidade de carapuça pensante…….e daí selecionei mais alguns exemplos curiosos desta mania que coleciona adeptos do mundo todo;

Um estilista tunisiano entrou para o Guinness Book por ter criado a calça mais longa do mundo. A peça tem o tamanho de um prédio de 22 andares, com 50 metros e bolsos de sete metros cada.

 

Na Cisjordânia, na cidade de Hebron, cerca de 150 mulheres costuraram, o que acreditam ser o maior vestido feito no mundo. A peça mede 32,6 m de comprimeto e 18,1 m de largura… A iniciativa de fazer o vestido partiu das próprias costureiras com o objetivo de promover o artesanato local, que desde 2000 passa por várias restrições econômicas impostas por Israel.

 

Hahaha o recorde abaixo achei hilário e só poderia vir de brasileiro, of course!

O estudante de 25 anos de idade, Ricardo di Lazzaro Filho, de São Paulo – SP, entra para o RankBrasil, com um recorde inusitado: a Maior coleção de preservativos. São 419 camisinhas, adquiridas em 35 países, de cinco continentes…..tudo começou porque estava com a vida sexual meio devagar…..hahahaha e o mais engraçado que a primeira camisinha da coleção foi presente da avó…não é demais?

Outro recorde brasileiro no mínimo estranho foi o conquistado pela cabeleireira e estilistas Maria Rita Dias da cidade de São Paulo.  Ela foi certificada pela Maior Coleção de Roupas Confeccionadas com Cabelo”…. A coleção conta com um total de 12 peças produzidas com muita criatividade e dedicação sempre evidenciando a vaidade feminina. Maria Rita trabalha com roupas confeccionadas com cabelo humano há dois anos e não comercializa as peças criadas com exclusividade, devido à dedicação e ao tempo de trabalho para a produção das peças…..Na boa quem compraria uma indumentária destas?

Quer conhecer mais alguns cases, acesse o site oficial e quem sabe você não se motiva a lançar algum recorde mundial jamais imaginado……Beijos Kilométricossssssssssssssssssss

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *