Recomeços…..

Li esta manhã uma história REAL, muito curiosa; sobre um casal japonês Miki e Tomoharu Saito, que decidiram fazer uma “cerimônia de divórcio” hoje, em Tóquio, para celebrarem a assinatura dos papéis da separação, que aconteceu após o terremoto de 11 de março, que os fez “reavaliarem os valores da vida”. O ex-casal usou um martelo para quebrar a aliança e simbolizar o fim da união…..putz quanta sabedoria tem estes dois……Quando em dias atuais você tem a oportunidade de presenciar um final feliz de desunião…..do tipo “acabou, mas tudo valeu a pena”…….?! Quando? Rs…

Nenhum tipo de amor deveria ser enterrado antes do tempo! Mas como e quando saber que chegou a hora do fim…..eu particularmente nunca sei…..um final sem pressa, sem virgulas, sem brigas, sem mágoa e sem dor…..Shakespeare sabia das coisas quando escreveu que “Guardar ressentimento é como tomar veneno e esperar que a outra pessoa morra”……isso é a mais pura verdade!

E quando o amor não acaba em brigas, acaba em silêncio……daquele tipo que perturba…..você não recebe mais ligações da pessoa, nem emails na caixa de entrada…..e mesmo assim você entende a mensagem que vem telepaticamente….com um certo sentimento de menos-valia.

Quem consegue expressar sentimentos de forma clara e encontra um bom jeito de eternizar as relações….pode considerar-se superior às outras pessoas…… Na hora de expressar sentimentos nobres, a alma é mais cheia de pudores do que quando chega o momento de manifestar emoções agressivas. A razão disso ninguém conhece, mas chegou a hora de mudar essa vibe….e por isso eu dedico meu post de hoje ao casal japonês….que com delicadeza, eles estão tentando consertar seus erros, mostrando ao mundo que apesar de tudo, é possível ser feliz….e que todas as histórias tem um fim….mesmo que este fim seja para um novo recomeço….

Beijos e uma semana linda para todos nós!

Miki e Tomoharu Saito

Momento shakespeariano…

Romantismo pode para muitos estar fora de moda…..bem, isso nunca foi meu caso! Sempre acho que este momento pode acontecer em qualquer lugar….em qualquer situação, ainda mais quando estamos enamorados com alguém…..Mas de acordo com uma pesquisa de uma empresa no Reino Unido…o levantamento foi feito com mais de 2 mil casais, o romantismo acaba em média, após 14 meses de relacionamento….hahahahaha……

A pesquisa aponta que esse parece ser o momento em que maridos e esposas param de dizer “amo você” com a mesma freqüência com que diziam no namoro…..é também período em que as mulheres tendem a usar menos maquiagem e a circular pela casa com roupas nada bonitas….afeeeeeeeeeeee vou ter que ir embora pra casa de esqui, congelei com esta informação agora, rs……e tem mais….os homens também começam a fazer a barba em intervalos maiores e ir ao banheiro com a porta aberta…..hahahaha…o êxtase da intimidade…..por outro lado eu tenho que discordar da tal pesquisa…..acho fundamental a criação da intimidade entre um casal, e se isso inclui…porta aberta do banheiro, cara limpa…..chinelão……por mim tudo bem!

E romantismo meus caros deve ser reiventado todos os dias na vida de um casal; um convite para jantar em plena segunda-feira, um email bonitinho no meio do dia, uma musiquinha após o jantar no meio da sala embalado por um bom vinho……enfim coisas simples, que no final faz toda diferença.

Romantismo é sempre bem vindo em qualquer dia do ano! E só para constar ando um pouco alérgica a pessoas que dizem o contrário….o amor por uma pessoa deve incluir até os corvos do seu telhado……rs…

Todos os dias devemos sentir, ser, amar, viver….e rezar para que atropelemos  em alguém maravilhoso….que nos traga desejos de relacionamentos pacíficos, belos e afetuosos….porque bons relacionamentos meus queridos, são relacionamentos livres….e momentos de romantismo não dão espaços às dúvidas…..então convido-os a extravasarem seus sentimentos e colocar sua alma shakespeariana em ação….hahahaha…….Beijos romantizados!