Jantar Mistério: um jantar a ser desvendado!

Ontem eu e um grupo de jornalistas participamos de mais um daqueles jantares temáticos que a gente nunca sabe no que vai dar, e mesmo assim, a gente se atreve a ter coragem de vivenciar. Eu sou destas, adoro uma novidade, faz com que a gente retorne àquela humildade simples da vida… Eu que achava que já tinha experimentado de tudo, ontem à noite me deparei com algo novo e misterioso, e mais uma vez uma experiência “gastro-teatral” tomou conta de mim: boa comida, um jogo divertido, com ótima música em um clima lúdico.

Assim que cheguei no café Pérpetua, já não era mais Carla Palmieri, por duas horas fui Concetta Tovani (esposa de Gino Meneguetti, o homenageado da noite) uma mulher dramática, exagerada, esperta, cínica quando necessário e que por amor ao marido acabou sendo presa!). Em seguida sou convidada a participar de um jantar ambientado na década de 1950, que tem por objetivo a solução de um crime que acontece pouco antes de estarmos ali. Um suspense policial durante o jantar, quem diria?!

Eu, que sou a pessoa mais silenciosa do mundo no meio de uma multidão desconhecida, não parei nem por um minuto de levantar suspeitas, afinal eu era a viúva do pedaço! O lance é meio teatral, meio gastronômico, muito divertido e super original. Sem contar a delicadeza do serviço e dos condutores desta incrível jornada, o Eder e o Douglas, pessoas de quem você vai querer ficar amigo para sempre! Inesquecível

Ficou com vontade de dar uma conferida? Algumas dicas:

O maravilhoso Jantar Mistério, deve ser feito na casa de alguém para um grupo íntimo de amigos. A galera do teatro leva até um chef que irá cuidar da cozinha preparará algumas opções de entrada, prato principal e sobremesa. No meu jantar houve tomate assado recheado com cuscuz marroquinoboeuf Bourguignon e creme brullé. Ah, e antes do jantar ser servido, rola um coquetelzinho até todos os personagens da trama estarem reunidos em um só ambiente.

Este jantar só é possível ser vivenciado e apreciado, se tiverem no mínimo 10 pessoas.

Genial minha gente, super vale a brincadeira!

Para saber mais clica aqui!

Curta e siga:

Giro Teatral: A Dona da Historia estreia em São Paulo.

Eu sempre digo que uma peça de teatro é uma excelente ferramenta para o auto-conhecimento! Ontem fui a estreia do espetáculo A Dona da História e saí de lá não somente com risadas liberadas, mas com muita coisa para se refletir.

Angela Dippe e Luana Martau interpretam a mesma mulher em fases diferentes da vida, aos cinquenta e aos quinze anos, numa espécie de acerto de contas entre juventude e maturidade, expectativa e realidade. E que interpretação de ambas! Nunca tinha visto as duas atuarem em teatro e simplesmente eu adorei a química!

A peça conta a história de uma mulher em dois tempos distintos. Entretanto cada uma vive o mesmo tempo, seu tempo presente. Um presente que as tornaram completamente diferentes. O presente da primeira é o futuro da segunda. O presente da segunda é o passado da primeira. Poderia dizer-se que uma é imaginação e a outra é a memória, ainda que ambas coexistam.

Para mim que estou caminhando para os 50 anos foi um grande “tapa” em meu consciente, me colocou diante de uma reflexão atemporal e uma pergunta ficou no ar “Como seria a vida se as escolhas fossem outras? Que vida teríamos? Se tivéssemos escolhido fazer aquela viagem, morar em outra cidade ou país, se a profissão escolhida foi realmente a certa e dentre tantas outras perguntas agora mais do que nunca, pertinentes, quando o ritmo temporal da vida parece se acelerar a todo instante”.

Quer saber quem será a Dona da História? Vá ao teatro e se divirta com esta comédia  sucesso de público e crítica, a primeira montagem ganhou diversos prêmios e projetou mundialmente o texto, sendo traduzido para o espanhol, inglês, francês e hebraico. Agora, 20 anos depois, o grande sucesso teatral que tornou João Falcão um dos mais festejados dramaturgos e diretor brasileiro ganha nova montagem comemorativa.

SERVIÇO:
A DONA DA HISTÓRIA
Datas: 1, 2, 7, 8 e 9  de setembro de 2018
Sexta e Sábado às 21h | Domingo às 19h
Teatro OPUS (Av. das Nações Unidas, nº 4777 – Alto de Pinheiros/ 4o piso – Shopping Villa-Lobos)
www.teatroopus.com.br

Curta e siga:

Vida de Teresa D’Ávila é contada na peça “A Língua em Pedaços”.

No último final de semana fui assistir um espetáculo de teatro que muito me impressionou, A peça “A Língua em Pedaços”, texto do premiado dramaturgo espanhol Juan Mayorga, que foi inspirada na autobiografia de Santa Teresa d’Ávila, mais conhecida como Santa Teresa de Jesus.

Toda a trama poética da verdadeira “Amante de Deus” é protagonizada pela talentosa Ana Cecilia Costa, que encarna a monja carmelita de maneira muito delicada, apesar de todo o embate que é roteirizado com uma das autoridades eclesiais daquele tempo, um inquisidor, representado pelo também talentoso Joca Andreazza.

E tudo isso rola na cozinha do Mosteiro São José, primeiro convento de Carmelitas Descalças, fundada por Teresa em Ávila, em 1562. De um lado, temos uma mulher corajosa, que está sendo acusada de profanação por suas experiências místicas. Do outro lado um cismado inquisidor da Igreja Catolica de mente aguda, farejador de hereges.

Eu me rendi a Teresa.. senti sua presença em mim e é isto que uma boa peça de teatro causa na gente!

Quer saber o final desta história? Vai lá no teatro Eva Herz e tenha um ótimo sinal do universo. E o preço da peça é tranquilíssimo (R$50, inteira)

Serviço
Livraria Cultura – Conjunto Nacional
Avenida Paulista, 2073 – Bela Vista
Bilheteria: 3170-4059 / www.teatroevaherz.com.br
Terça a sábado, das 14h às 21h. Domingos das 12h às 19h.
Formas de Pagamento: Dinheiro / Cartões de débito – Visa Electron e Redeshop / Cartões de crédito – Amex, Visa, Mastercard, Dinners e Hipecard. Não aceita cheque.
Sábados às 18h
Ingressos: R$ 50
Duração: 60 minutos
Recomendação: 12 anos
Temporada: até 09 de Dezembro
Curta e siga:

Master Class, um espetáculo imperdível!

MARIA-CALLAS2

Não poderia ter iniciado meu retorno à vida cosmopolita desta cidade incrível da melhor maneira possível. Após dias sábaticos pela Espanha, volto a terra Mãe com um convite inusitado; Assistir Master Class, uma deliciosa comédia/dramática escrita pelo norte americano Terrence McNally  que conta uma parte pitoresca da vida da grandiosa cantora grega Maria Callas, na qual sou fã incondicional….porque se você é uma mulher moderna e que aprecia e se conecta as outras mulheres com o mesmo brilho, você simplesmente irá amar este espetáculo.

Callas

A obra acontece no inicio dos anos 1970, quando a cantora já aposentada dos palcos, passa a lecionar na icônica escola de musica Julliard, em Nova York. Quem interpreta a diva, nada mais, nada menos que a atriz Christiane Torloni, que me surpreendeu em sua primeira fala; além de uma presença de palco genuína, a cada palavra, cada gesto, cada passo constituía uma comunicação corporal ímpar que só uma artista de verdade é capaz de realizar…bravo Torloni!

O elenco que acompanhava a atriz também não decepciona; Julianne Daud, Leandro Lacava, Thiago Rodrigues entre outros cantam de forma emocionante e nos fazem rir de maneira discreta.

A trilha sonora do espetáculo não poderia ser mais apropriada para um espetáculo de tão alta qualidade artística: trechos famosos de obras de três dos maiores compositores da história da música: Bellini, Puccini e Verdi executados ao vivo pelos atores/cantores e acompanhados pelo ator/pianista. 

Ahhhhhh também amei o cenário proposto pelo cenógrafo Renato Theobaldo, ele simplesmente conseguiu trazer um clima aconchegante para o público de maneira chic e simples!

Pra resumir, quer conhecer um pouco mais sobre a Diva Callas e ter a oportunidade de assistir uma peça que vai te emocionar e arrancar suspiros…..então não perca Master Class….super recomendo!

MASTER CLASS
Teatro das Artes (769 lugares)
Avenida Rebouças, 3970 – Shopping Eldorado – 3º Piso 
Informações: 3034-0075
Bilheteria: terças e quartas das 14h às 20h; de quinta a domingo, das 14h até o início do espetáculo. Aceita cartão de débito e crédito. Não aceita cheque.
Vendas: 4003.2330 – www.ingresso.com
Sábado às 21h | Sexta às 21h30 | Domingo às 19h
Ingressos: Sexta R$ 80 | Sábado e Domingo R$ 90
Recomendação: 12 anos

Curta e siga:

Temporada musical free no Sesi/SP!

Quando eu li achei que era pegadinha…mas para a nossa felicidade, não era! O Teatro Sesi-SP recebe, entre 17 de agosto de 2013 e 29 de junho de 2014, uma temporada da comédia musical “A Madrinha Embriagada”, dirigida por Miguel Falabella.

LANÇAMENTO - TEATRO MUSICAL

As apresentações acontecem de quarta a sexta, às 21h, aos sábados, às 16h e às 21h, e aos domingos, às 19h. A entrada é Catraca Livre.

Junto com a temporada, o instituto lança uma novidade que promete agradar o público. A partir do dia 8 de agosto, os ingressos podem ser reservados via internet (sem taxas de conveniência), no site do Sesi. Cada pessoa tem direito a dois convites. E ainda, para os tradicionais que preferem enfrentar a concorrida fila da bilheteria, haverá uma cota especial de 50 ingressos por sessão.

Ao adaptar a obra, Miguel Falabella remete toda a trama para a cidade de São Paulo dos anos 1920 e mostra uma cidade vibrante, em pleno crescimento, berço dos principais artistas modernistas. A história começa nos dias atuais com um fã de musicais, denominado o “Homem da Poltrona”, ouvindo o disco, long play, de um espetáculo chamado “A Madrinha Embriagada”, em teoria, estreado em 1928, no Teatro São Pedro. A história ganha vida no palco, com os atores revivendo essa trama.

“A Madrinha Embriagada” é um musical que brinca com os tempos dourados, narrados pelo “Homem da Poltrona” (Ivan Parente), personagem que questiona os musicais atuais e brinca com a própria tradução da peça homônima, fazendo menção ao “tradutor” João Canarinho.

Gente passeio imperdível!

A Madrinha Embriagada

17/08 a 29/06
Sábados às 16:00
Domingos às 19:00
Quartas, Quintas, Sextas e Sábados às 21:00

Curta e siga: