Dica cultural imperdível – 2ª Bienal Internacional de Graffiti Fine Art

Gilberto Dimenstein afirmou esta semana….. “Somos uma cidade feia (SP), mas que vira um museu a céu aberto pela disseminação da arte urbana. Dai sermos a capital mundial do grafite”…..e eu concordo com ele em todos os sentidos!

Os muros da minha cidade se tornaram verdadeiras galerias a céu aberto com a afirmação do graffiti como uma das principais identidades da arte contemporânea.

cineMUBE

Dentro deste contexto, muitos artistas que se apropriam do espaço urbano, tiveram suas obras transportadas para os acervos de grandes museus. Para contemplar este segmento e termos a oportunidade de ver tudo de uma tacada só, o MuBE abre suas portas entre os dias 22 de janeiro e 24 de fevereiro, para a 2ª Bienal Internacional de Graffiti Fine Art

Nesta edição, os artistas expõem suas obras em diversos formatos, como painéis, instalações, telas, fotografias, pinturas e esculturas, além de intervenções em dois carros.

O objetivo da mostra é mergulhar nos diversos desdobramentos técnicos e estéticos que permearam a arte urbana de diferentes lugares do mundo.

cinemube1

Destaque para alguns convidados internacionais, como Kongo, ECB, Kress, Daze e Wernz, além dos brasileiros Nunka, Speto, Finok, DMS e Minhau – que vai construir uma instalação de um gato em madeira com cerca de 4 metros.

E tudo isso é free minha gente! Tem como não ir?! Imperdível!

Serviço
2ª Bienal Internacional de Graffiti Fine Art do MuBE
MUSEU BRASILEIRO DA ESCULTURA (MUBE)
http://www.mube.art.br
Avenida Europa, 218
Jardim Europa – Oeste
11) 2594-2601

Dica cultural imperdível: a exposição São Paulo Mon Amour – SPMA

Esta dica é para os que amam arte e amam SP…..sem contestação!

Depois de surpreender o público parisiense em 2009, estarrecer o pedestre com o cartaz da nudez de Alessandra Cestac pelas escadarias de Montmartre e destacar o olhar de Gal Oppido entre outros na Maison des Metallos em Belleville, a exposição São Paulo Mon Amour – SPMA finalmente toma lugar na cidade que a motivou.

Desta vez, acontece no MuBE (Museu Brasileiro da Escultura) uma obra coletiva sobre a produção artística presente e inspirada pela metrópole de São Paulo, apresentando um cruzamento entre olhares de brasileiros e franceses sobre a cidade para revelar o suporte cultural da cidade que os agrega.

Ela acontecerá entre os dias 13 de março e 03 de abril no célebre museu que consagrou Paulo Mendes da Rocha.

Tal curadoria condensa a trajetória de Sérgio Franco, sociólogo, educador e pesquisador de arte urbana, que teve nesta exposição um desdobramento de sua pesquisa acadêmica realizada na FAU-USP sobre a produção de arte na contemporaneidade, a qual aproxima o universo do graffiti e da pixação das problemáticas presentes nas discussões conceituais da arte desde a década de 1970.

Os assuntos que atravessam as obras são o vazio e a multidão, onde a solidão permeia a carência afetiva no hedonismo, a vida mental produzida pela experiência cosmopolita que cria a disposição racional da subjetividade do indiferente, e o deslumbramento apaixonado de todo aquele que se lança na metrópole com o espírito da aventura e da sorte.

Nesta edição serão 9 artistas, além de parte das obras da exposição em Paris, haverá novos trabalhos fruto da residência artística em Montmartre, com da Cestac no bar 11, no Louvre e na Torre Eiffel,  e ainda três novos artistas brasileiros realizando o mesmo processo de criação.

Junto deste evento, haverá ainda um jornal com a presença discursiva sobre a contemporaneidade no urbanismo e na arte da cidade, com uma crônica de Marçal Aquino e um ensaio de Teresa Caldeira (prof. Berkeley).

E ai irão perder esta chance? Os inteligentes garanto que não…rs….e o melhor de tudo, entrada free total!

Nos vemos por lá!

SERVIÇO

Exposição “São Paulo Mon Amour”

De: 13/03 a 01/04

Horário de funcionamento: Terça a domingo das 10:00 às 19:00 hrs.| Entrada Franca

Local: MuBE (Museu Brasileiro da Escultura) | Avenida Europa, 218 – Jardim Europa – São Paulo / SP

Telefone: [11] 2594-2601

Exposição Fashionista Obrigatória: A Moda Brasileira da Cabeça aos Pés.

O Post de hoje chega tarde, mas por um bom motivo…..e logo saberão o porque… Acabei de chegar extasiada de uma exposição quase que obrigatória para os amantes da moda e da fotografia. O MUBE em SP está oferecendo aos lindos olhos de nós pobres mortais, um passeio fotográfico pela moda brasileira dos últimos 30 anos…A exposição intitulada “Flávio de Carvalho desveste a Moda da Cabeça aos Pés”….foi composta pelos textos magníficos do artista Flávio de Carvalho com fotos de grandes editoriais de moda. E desta rica união surgiu um belíssimo trabalho….para quem desconhece a biografia deste magnífico pensador, Flavio (1899- 1973), foi um grande artista plástico, arquiteto, desenhista….ou seja ele de fato era um multi-men…rs e o primeiro brasileiro a estudar a relação entre moda e as mudanças sociais, a partir dos anos 1930 até 1950.

Os artigos para compor esta exposição foram textos que eram publicados semanalmente no suplemento feminino do Diário de São Paulo entre março e outubro de 1956…rs….este homem só podia ser (não sei estou chutando!) um aquariano….porque ele estava anos à frente de sua época….e para ter esta certeza, basta ler suas escritas… na medida que eu lia, eu achava aquilo tudo tão atual!

 

Os temas estão ligados às partes do corpo: da cabeça aos pés… Cada assunto é representado por um conjunto de imagens, que enfatiza aspectos que se repetem nos últimos 30 anos e outros que são de momentos isolados….fornecendo aos visitantes chaves de leitura para que se possa olhar cada imagem de forma mais compreensiva….

Ficou empolgado (a) ? Pois então, darei mais subsidios para que você fique totalmente eufórico (a)..afinal um dos propositos deste blog é motivar as pessoas…hahahaha….você encontrará cerca de 200 imagens, todas extraídas de um acervo dos deuses….imagens de Bob Wolfenson, Gui Paganini, Jacques Dequeker, Vânia Toledo, Thelma Vila Boas, entre outros…ou seja somente gente de 1° patamar master profissional…..detalhe como ficou harmonioso textos dos anos 50 com fotos das décadas de 80, 90, e 2000…. isto para mim nada mais é do que prova viva de que o mundo vai e vem como as ondas do mar……

 

A curadoria é de Mariana Lanari e Agnaldo Farias, também responsável pela 39ª Bienal de artes de São Paulo. A exposição é uma ótima opção de passeio para toda a família de bom gosto, of course!

Meus caros leitores, se seus olhinhos cansados estão com necessidade de ver o belo, o fashion e novas abordagens do tema MODA….então eu te darei um norte com endereço certo…Vá ao MUBE e tenha um dia feliz! Esta humilde redatora super recomenda….e quer saber o melhor de tudo?! Esta felicidade sairá de graça! Rs…….corram!

 

MuBE – Museu Brasileiro da Escultura

14/10 a 14/11
Av. Europa, 218 – São Paulo – Brasil
De terça a domingo das 10:00 as 19:00 hrs
11 2594-2601 – mube@mube.art.br

Dica Cultural: Mostra “Speed” de Guy Bourdin em SP

É assim…quem gosta de fotografia, quem gosta de Moda….e que gosta da junção das duas manifestações, com toques de erotismo, surrealismo e mais alguns ismos…tem que ir ver a Mostra do fotografo francês Guy Bourdin “A message for you”….O cara simplesmente é o máximo!!!

Sua contribuição artística para a moda são milhares; o cara simplesmente (de novo…hehehehe) apimentava os editoriais da Vogue (ficou por lá durante 30 anos), tencionava as imagens com apelos eróticos, eventualmente bucólicos e com uma estranheza que hipnotiza a gente…luxo, glamour, violência, suspense….têm de tudo e para todos os gostos duvidosos….A mostra faz parte do projeto Iguatemi Photo Series, com curadoria de Chico Lowndes e ta rolando no MuBE, em São Paulo (Sure!), entre os dias 14 e 31 de agosto de 2009…Portanto galera, corre porque está de passagem muito speed….é aquela velha história “ Coisa boa passa rápido”…dica dada, portanto consciência tranqüila….risos….Beijão….e lembre-se: nunca fique em cima do muro; tome sempre uma posição, seja qual for ela!