Conheça os destaques da 3o edição do Sirha, em São Paulo.

Em breve vai rolar um dos eventos de hotelaria e foodservice mais bacanérrimos do universo, o Sirha (Salon international de la restauration, de l’hôtellerie et de l’alimentation), que chega na sua terceira edição brasileira com milhares de novidades.

Entre as diversas ações que acontecerão durante os três dias de feira em São Paulo, os concursos de gastronomia e confeitaria são o grande destaque. O Bocuse d’Or, passa a ser presidido por Giovanna Grossi. A chef alagoana foi a vencedora brasileira e latino-americana das últimas edições. Daniel Boulud, o chef francês à frente de um império de restaurantes e dono de diversas estrelas Michelin, será o presidente do júri. Para auxiliá-la neste trabalho, Giovanna convocou consagrados chefs de todo o Brasil para comporem o Comitê Bocuse d’Or Brasil: Bel Coelho, Geovane Carneiro, Guga Rocha, Ivan Ralston, Onildo Rocha e Thomas Troisgros. Durante a prova da seletiva brasileira, quatro competidores terão 5 horas e 35 minutos para executar dois pratos, um com peixe – o salmão – e um com porco mangalitsa, originário da Hungria.  O vencedor desta etapa participará da Seletiva das Américas 2018 do concurso em busca de uma vaga na final mundial.

A Coupe du Monde de la Pâtisserie também tem uma grande novidade. O chef confeiteiro Rafael Barros é o novo presidente da competição. Ele também escolheu um time de especialistas na arte da confeitaria para o comitê do concurso. São eles: Philippe Brye, Flavia Quaresma, Ramiro Bertassin, Tati Benazzi, Alexandre Augusto e Lu Neves. Este ano, o tema do concurso é “Floresta Encantada” e os quatro competidores terão seis horas para completar provas com foco em açúcar ou chocolate, dependendo da categoria em que se encaixem. O júri dará a palavra final sobre os dois confeiteiros que passarão para a etapa continental, no México.

O Talentos do Gelato, concurso exclusivo da versão brasileira do Sirha, terá nova etapa. As inscrições estão abertas para quatro duplas participantes através do e-mail gelato-sirha@fagga.com.br . Com coordenação do mestre sorveteiro Frederico Samora, o regulamento prevê a preparação de um item inusitado com o gelato, os finger food salgados, além de cubas decoradas e tortas geladas.

Uma das grandes inovações desta edição do Sirha é a apresentação de um Hotel Modelo. O projeto Samba in the Box levará ao público uma alternativa rápida e criativa para hospitalidade. Partiu-se do conceito que utiliza contêineres na produção de edificações residenciais, que vem ganhando cada vez mais espaço no Brasil e no mundo.

A feira oferece uma grande quantidade de conteúdo relevante para seu público.O Seminário Senac de Gastronomia: Saberes & Sabores – a hotelaria põe a mesa acontecerá durante os 03 dias de evento. O Senac reunirá durante o Sirha renomados profissionais da Gastronomia para apresentar e debater as melhores soluções para incremento e valorização dos serviços de alimentação em hotéis, bares e restaurantes.

Outra novidade é o Bar Sirha com curadoria da Carolina Oda, um espaço inédito onde marcas nacionais e internacionais vão expor seus produtos de forma atraente, através da apresentação de conteúdo exclusivo, palestras, demonstrações e harmonizações envolvendo temáticas de café, vinho, cerveja e mixologia.

O Sirha conta ainda com o Terroir Brasileiro, uma oportunidade para pequenos produtores de diversos estados do Brasil mostrarem seus produtos aos chefs e compradores do mercado. Serão 60 expositores  que venderão  queijos especiais, vinhos e cafés, além de produtos que apresentam um apelo gourmet e que são oriundos de localidades distintas do país, mas que retratam o jeito brasileiro de ser.

O evento rola nos dias 14, 15 e 16 de março no São Paulo Expo com expectativa de reunir 15 mil pessoas durante os três dias, além de 250 expositores e marcas brasileiras e internacionais. Imperdível em todos os sentidos!

Mais informações ? Clica aqui!

Curta e siga: