Restaurantes retomam atividades no período notuno.

Finalmente os restaurantes começaram a abrir suas portas para a melhor refeição do dia: o jantar, amooooooo acho que é uma das minhas experiências preferidas desta existência. Algumas casas aproveitaram a quarentena, para renovar o cardápio, outras aproveitaram o fechamento para fazer uma reforma, e assim a cada visita teremos uma novidade e claro sempre atentos as medidas de segurança que cada um destes restaurantes estão desenvolvendo para receber seus clientes. Segue hoje minhas primeiras sugestões de lugares bacanas e que valem a visita. Vamos incentivar a volta aos bons pratos!

Basilicata

Criada em 1914, no bairro do Bixiga, a centenária Basilicata, comandada pelo jovem chef Rafael Lorenti, reabre as portas do restaurante após funcionar somente pelo delivery devido à pandemia. A casa que apresenta receitas ao estilo trattoria moderna, disponibiliza seu cardápio completo e funciona de terça a sábado, das 12h às 15h30; e de quinta à sábado, das 19h30 às 22h. Os pratos também podem ser pedidos pelo delivery via aplicativo Ifood ou pelo Whatsapp 95588-2048.

No cardápio, aparecem na lista de entradas as típicas bruschettas em diferentes sabores, como búfala, alici, funghi, pancetta e capra. Entre as opções de massa, o Carbonara Di Catanzzaro, carro-chefe da casa, receita tradicional do Sul da Itália com gema caipira, pancetta, pecorino e porva. Outra opção é o Linguini Allo Scoglio, linguini, acompanhado de vôngoles. Boa opção sem carne é a Parmigiana Di Melanzane, uma lasanha de berinjela com mozzarela e molho de tomate.  Os fãs de Tiramisù também podem saborear a receita do chef feita com pão-de-ló de café embebido em calda de amareto com creme de mascarpone.

Serviço
R. Treze de Maio, 596, Bela Vista. Telefone: (11) 3289-3111Horário restaurante: terça a sábado das 12h às 15h30. Quinta a sábado, das 19h30 às 22h.Horário da Loja: segunda a sábado, das 08h às 19h. Domingo, das 8h às 16h.Café e lanches: segunda a sábado, das 12h às 15h30. Domingo, das 9h às 15h.Delivery: Pedidos pelo aplicativo Ifood ou pelo Whatsapp 95588-2048.

Chalezinho

Menu Chalezinho

Depois de dois meses funcionando apenas com o serviço de delivery, o Chalezinho reabre as portas das unidades Morumbi e Itaim, reforçando todos os cuidados estabelecidos pelo governo. O restaurante funciona das 18h às 22h, nas duas unidades, e, para evitar filas e aglomerações, as reservas podem ser feitas pelo site: www.chalezinho.com.

Com um cardápio reduzido, o Chalezinho mantém opções clássicas e tradicionais, como a fondue de queijo suave (R$116), de consistência leve e agradável, preparada com emmental, gruyére e apresenta sua fondue de queijos brasileiros (R$125, para 2 pessoas), que combina o meia cura Nata de Ouro e o Serra da Canastra. A novidade tem como principal acompanhamento a Goiabada Cascão da Zélia, referência em Minas Gerais. No rodízio, agora é possível acrescentar a fondue de trufas negras, que apresenta sabor marcante e é preparada com queijo suave, salsa e lascas de trufa negra, por um adicional de R$200, sem repetição. Entre as sobremesas, vale destacar a fondue de doce de leite (R$80), servida com mini churros, e a de leite ninho com Nutella (R$107), também na versão sem lactose. Todas as fondues doces são acompanhadas de morango, uva, banana, marshmallow e cucurucho de waffle.

Mesmo com reabertura, o restaurante continua operando com o serviço de delivery nas duas unidades – Itaim e Morumbi – e os pedidos podem ser feitos pelo Ifood, ou pelo Goomer, caso o cliente opte pela retirada. Mais informações pelo site: https://chalezinho.com/delivery/.

Serviço: Unidade Itaim: Rua Jerônimo da Veiga, 149, Itaim Bibi. Telefone: (11) 3501 9322. Funcionamento restaurante: Quarta a domingo, das 18h às 22h (segunda e terça fechado)

Unidade Morumbi: Rua Itapimirum, 11, Parque Burle Marx. Telefone: (11) 3501-9322. Funcionamento: Terça a domingo, das 18h às 22h (segunda-feira fechado)

 Murakami

Após quase quatro meses oferecendo sua comida fresca e delicada apenas para o cliente saborear em casa, Tsuyoshi Murakami volta a receber no balcão do Murakami, nos Jardins. Seguindo todos os cuidados impostos pelo governo a fim de prevenir o Covid-19, o restaurante funciona entre segunda e sábado, das 20h às 22h, atendendo seis visitantes por vez – ou 12, como antes, desde que sejam da mesma família.

Das 18h às 20h, segue com o serviço de take away iniciado na quarentena. No roteiro a ser degustado no salão, os comensais podem encontrar o atum bluefinn em um duo com missô e preparos com o peixe olho de boi, por exemplo. Já as ovas frescas da tainha fazem contraponto às de salmão e ouriço, que podem vir acompanhadas de ovo cozido em baixa temperatura. A experiência, uma sequência em 6 etapas (entre pratos frios, quentes e sobremesa) pensadas pelo chef a partir dos melhores ingredientes do dia sai por R$ 400. Há ainda uma seleção de sushis (R$ 600, por pessoa), com 18 variedades servidas após cinco pequenas entradas, além de uma proteína finalizada na frente do cliente. No take away, fica à disposição um menu à lá carte reduzido, igualmente criado diariamente, em que itens frios são prioridade.

SERVIÇO
Rua Alameda Lorena, 1186, Jardim Paulista. Telefone: 3064-8868Salão: segunda-feira a sábado, das 20h às 22hTake away: segunda-feira a sábado, das 18h às 20hsite: www.murakami.net.br

 Trattoria Nacional

IMG_6914Na esquina das ruas Canário e Sabiá, em Moema, a Trattoria Nacional, comandada pelo jovem restaurateur Marcos Piazza, reabre após funcionar somente pelo delivery devido à pandemia. A casa que apresenta belos cortes assados à vista do cliente, bem executadas massas e pizzas, volta a receber o público de terça a domingo para o almoço, das 12h às 15h; e o jantar, das 19h às 22h. Durante a semana, a casa apresenta um novo cardápio executivo que inclui entrada, prato principal e sobremesa. Já aos sábados e domingos, o menu completo está disponível.  Os pratos também podem ser pedidos pelo delivery via telefone ou Whatsapp.

Em as opções de menu executivo, a entrada fica por conta da Saladinha da Casa e a sobremesa é o clássico Pudim de leite ou o Gelato do Dia, variando apenas o prato principal, que pode ser Parmigiana de frango (R$ 36) com arroz e batata rústica; Spaghetti al pomodoro com polpettines (R$ 34); Pesce milanese (R$36), acompanhado com o Musseline de mandioquinha e legumes; e Filetto di Carni (R$38), com gnnochi defumado feito na manteiga e temperado com sálvia. Como opção vegetariana, Lasagna verde artesanal de três queijos (R$36)

Serviço:
Endereço:  Rua Canário, 480, Moema. Telefone: (11 5052-0520/ Reserva: (11) 5051-9096
Funcionamento: almoço – terça a domingo, das 12h às 15h. Jantar – das 19h às 22h.
Funcionamento do Delivery : terça a sexta, das 12h às 15h . Sábado, das 12h às 23h30. Domingo, das 12h às 23h.O delivery é feito via telefone ou pelo WhatsappInstagram: @trattorianacional

Chef Murakami inspira-se em costume milenar para lançar seu novo serviço delivery.

Oferecer sua comida tão fresca e de apresentação delicada fora do restaurante, nunca esteve nos planos do chef Tsuyoshi Murakami. Foi somente a partir de abril com inicio da pandemia, e após muitas mensagens de clientes saudosos de suas receitas, que o chef iniciou seus trabalhos on line. Recentemente após novos pedidos, o restaurante, inspirado em costumes milenares japoneses, estreou mais um serviço: menus personalizados para ocasiões especiais.

“É tradição no Japão trocar caixas com uma variedade de receitas em datas comemorativas e até reuniões de trabalho”, explica Suzana Murakami, esposa e sócia de Tsuyoshi. “Começamos com um pedido para aniversário. Nós não temos nenhuma sugestão pré-definida. Basta o cliente entrar em contato, dizer os produtos que quer incluir e retirar no dia e hora combinados. Assim como no Japão, as caixas vão embaladas em furoshiki (“pano mágico” usado de diversas maneiras há mais de mil anos).”

Cardápio diário

Todos os dias Murakami cria um novo cardápio e envia de manhã para uma base de clientes por whatsapp, para retirada, composto basicamente por dois menus: o chamado de “Experiências”, uma sequência em 6 etapas (entre pratos frios, quentes e sobremesa – R$ 300), como era servido no restaurante físico, ou uma seleção de sushis com 18 variedades (entre peixes, frutos do mar e ovas, sem makis), cujo preço varia conforme o wassabi usado: com o fresco (no menu está como selvagem, de fornecedor próprio, exclusivo do restaurante), ralado na hora do pedido, sai por R$ 400, já com o wassabi em pasta da casa, R$ 300. A opção vegana “Terra”, com sushis de legumes (18 variedades), sai por R$ 200; e o “À La Carte”, que engloba entradas a partir de R$ 30 (como a Nasu Misso Shoga (foto, R$ 30) – Berinjela japonesa com molho de shissô e gengibre), sashimis e pratos de assinatura do chef a partir de R$ 50, como o Ebi Tamago Don (R$ 120) – Tempura de camarão, gema Yamaguishi e molho teriyaki sobre gohan e o Wagyu Katsu Kare (R$ 100) – Ancho de wagyu empanado e curry japonês sobre Gohan.

O Murakami atende pedidos das 18h às 21h, de segunda a sábado, pelo telefone 3064-8868 ou pelo whatsapp 97103-1186.