Bel Coelho homenageia orixás no Clandestino!

E mais um evento imperdível para quem busca novas vivências gastronômicas! A chef Bel Coelho voltará em janeiro com o menu Orixás no Clandestino. Entre os dias 28 de janeiro a 02 de fevereiro, você poderá conferir receitas inspiradas em Iansã, Iemanjá, Oxóssi e outros orixás.

Este trabalho lindo da Bel foi fruto de uma profunda pesquisa realizada há 04 anos sobre as comidas do candomblé. O menu enraizado na cultura brasileira, não é de hoje, apesar das inspirações mudarem com o tempo e algumas criações serem reinventadas. A decoração do lugar também entra na referência. Ilustrações de cada um dos orixás homenageados estão nas paredes e no menu.

Você terá oportunidade de provar pratos curiosos como o vinagrete de feijão fradinho com camarão grelhado e molho de coco e gengibre que foi feito para Iansã. Já o pintado defumado com purê de banana da terra, tucupi e flor de jambu, é ofertado a Logunedé. Xangô, orixá da justiça, dos trovões e das pedreiras, ganhou um arroz de rabada.

O preço da experiência? R$ 310 ou R$ 480, se harmonizado com taças de vinho e  cerveja.

Eu sou alucinada para provar esta experiência que tem a cara do Brasil, além disso, a Bel Coelho manda muito bem em tudo que faz! Para reservas, clica aqui!

Odoya!

5ª edição do Porco Mundi exalta gastronomia peruana.

E a semana se inicia maravilhosamente bem, com um super evento da família Rueda.

Oito grandes nomes da gastronomia peruana vêm a São Paulo para um jantar exclusivo, onde a carne de porco é a grande estrela. O encontro é a 5ª edição do Porco Mundi, que reúne hoje (21) os chefs Mitsuharu Micha, do Restaurante Maido; Renzo Garibaldi do Restaurante Osso no Peru e Cór Gastronomia e Ânima em São Paulo; José del Castillo do Isolina; Pedro Miguel Schiaffino do restaurante Malabar; José Lujan Vargas dos restaurantes Chullpi e Taytafe no PeruRiconcito Peruano em São Paulo; Enrique Paredes do Barrakhuda no Peru e Amazo em São Paulo; Mayra Flores do restaurante Shizen Barra Nikkei; e Fransua Robles do La Picante.

 O jantar é uma forma de homenagear a forte imigração peruana no centro de São Paulo e sua gastronomia mundialmente conhecida. Para isso, cada chef convidado será responsável em explorar a cultura peruana da carne de porco em um prato do menu. “Hoje temos o Peru provando que a maior riqueza de um país está na sua riqueza culinária. Seria impossível falar de Porco Mundi sem falar do Peru. Eles sabem fazer acontecer!”, defende Jefferson.

O projeto Porco Mundi é o único jantar em que a Casa do Porco fecha e realiza reservas antecipadas. O valor do jantar é de R$250 incluindo água e café, o valor do menu harmonizado é de R$400. Os lugares são limitados e as reservas serão feitas pelo e-mail: porcomundi@acasadoporco.com.br

Se tiver em São Paulo é a chance de conhecer um dos melhores restaurantes da cidade de forma bem especial e começar a semana da melhor forma possível, comendo!

SERVIÇO

Data: 21 de janeiro de 2018 (segunda-feira)
Horário: 19h
Valor: menu sem harmonização R$250 | Menu com harmonização R$400.
Reservas: pelo e-mail: porcomundi@acasadoporco.com.br
Rua Araújo, 124, Centro- SP

Drosophyla – Patrimônio cultural (e gastronômico) de São Paulo

Eu adoro fazer meu giro em lugares emblemáticos da cidade de São Paulo, e o Drosophyla é um deles! Desde 1986 este espaço cultural-gastronômico vem alegrando a vida dos paulistanos, um ponto de encontro obrigatório para quem estiver de passagem pela nossa maravilhosa cidade.

O casarão restaurado da década de 1920 é incrível, cheio de obras de arte e peças garimpadas pelo mundo todo que são trazidas pela sua proprietária Lilian Varella, que também adequou as roupas dos garçons e o menu à temática dos glamorosos anos 20. E são tantas coisas legais que encontramos por lá que foi montada uma lojinha para quem gosta do estilo antigo e peculiar do casarão.

Fomos experimentar algumas das criações de sucesso do lugar, e iniciamos nossa noite com os Rolinhos Viet, uma combinação leve e delicada para este verão. A massa de arroz enrolada com cenoura, pepino, alface, macarrão bifun, cogumelo e hortelã estava muito macia e todos os ingredientes exalavam viço e frescor. Cada mordida deste rolinho, é a certeza de uma vida vegetariana feliz!

Eu também não dispensaria a Bolota! Bolinho de carne super crocante por fora e muito suculento por dentro. Sem contar o tamanho dele, que nos lembra o melhor do velho oeste americano: exagerado e com um molho de mostarda que faz aquele contraponto interessante. Não dispense se estiver precisando de proteínas e/ou quiser um appetizer de gente faminta.

A Lilian é metade mineira e, assim como eu, nunca dispensa um Pão de Queijo dos bãos! E no menu da casa existe uma receita de sua mãe, que sempre preparava esta delícia nos aniversários da família. Sua fórmula saborosa vem com lombo molhadinho, e sei lá o porquê, mas a combinação do queijo com esta carne é uma explosão de sabores distintos. Eu adoro e acho até que pão de queijo deveria se tornar patrimônio cultural. O daqui merece ser experimentado.

E para jantar? Não é o forte da casa, mas tem sim!

Os adoradores de comida asiática vão curtir o Sathay de Frango Avec Couscous. Espetinhos de frango que foram marinados no gengibre, shoyo e especiarias, dando à carne branca uma picância a mais. Outra minúcia importante deste adorável espetinho é seu tamanho confortável para se pôr na boca e mastigar, sem precisar usar os talheres. Eu particularmente dou valor a este detalhe insignificante para alguns. O molhinho de amendoim que vem com o couscous com legumes é dos deuses. Comidinha leve e despretensiosa, a cara do bar!

Mas o meu preferido da noite foi o Veganos em Festa, um fabuloso macarrão de arroz que chegou alegre e colorido à minha mesa, graças à ajuda indispensável de abobrinha, tomatinho cereja, sementes de girassol, azeitona preta e manjericão. E se você não é tão vegan assim, peça para colocarem um parmesão ou grana padano ralado para jogar por cima. Que prato acolhedor e feliz para meu palato, sua combinação de sabores e leveza, me trouxe energia para seguir em frente e não dispensar a sobremesa.

Sobremesas aqui não são muitas, mas quando eu provei o Pudim de Ovomaltine deles, caí em desgraça! Parecia mousse, mas não era, parecia pudim, mas também não era… Era algo deliciosamente doce, com textura que se alternava entre cremosidade e craquelado. Exagerado em sabor, prato cheio para chocólatras.

Ahhh! Vale ressaltar que os cocktails apotecários do lugar são absolutamente indispensáveis, tais como o analgésico Jasmineiro, feito com vodka, aperol, cardamomo, limão siciliano e chá de jasmim e o digestivo Brasilberg Ginfizz, feito à base de gin, suco de limão e água tônica.

Casarão incrível, onde cada espaço se revela de forma inusitada e curiosa, boa música, boa carta de drinks e comidinhas gostosas, o que para mim representa a equação perfeita para quem busca uma noite especial. Vida longa ao Drosophyla!

Serviço
Endereço: Rua Nestor Pestana, 163 – Consolação – São Paulo

Contato: (11) 3120 5535 / drosophyla@drosophyla.com.br
Funcionamento: Terça a quinta das 19h à 1h / Sexta e sábado das 20h às 3h

Cartões: Visa, Mastercard, Diners / Visa Electron, Rede Shop e Maestro
Não aceita cheques.
Atenção: Dependendo do dia a casa cobra entrada ou consumação, verifique no site ou à entrada.

Credito Imagens: Roberto Salgado

 

Punta Gourmet, em janeiro!

Quem estiver em Punta del Este nesta segunda quinzena de janeiro, não pode perder dois eventos gastronômicos clássicos do Balneário, que vai rolar entre os dias 18 e 25 de janeiro, ambos no Enjoy Punta Del Este Resort & Casino.

O primeiro deles, no próximo final de semana (18 e 19), é uma iniciativa da Johnnie Walker –  o High Ball Experience em parceria com a famosa parrilla argentina La Cabrera. A proposta é de um jantar pé na areia, no parador Ovo Beach, um dos lugares mais badalados da cidade durante o verão. O preço por pessoa é de USD 85 e os ingressos podem ser adquiridos através do site https://www.enjoy.cl/puntadeleste/la-cabrera/.

A seguir, amantes de propostas gastronômicas refinadas e de vinhos excepcionais podem desfrutar da 17ª edição do Salon Del Vino Fino –  consagrado como um dos mais importantes eventos para profissionais e apreciadores de bons vinhos, no próximo dia 25 de janeiro, no resort Enjoy Punta Del Este. O evento será realizado em todo o Foyer do Centro de Convenções com dois tipos de ingressos, a US$ 60 dólares e uma opção VIP – novidade este ano no evento – a US$ 90 dólares. O segundo ingresso dará direito a uma experiência mais completa, com degustação guiada por um especialista em vinhos.

Os visitantes poderão degustar uma seleção de 600 rótulos de vinhos, dentre uma grande variedade de brancos, tintos, rosês e espumantes, todos produzidos por mais de 140 vinícolas da região, e também por países como Austrália, Espanha, Estados Unidos, França, Itália, Nova Zelândia, Portugal e África do Sul.

No Salão Punta Del Este, haverá tabua de queijos e frios, azeitonas, frutas secas e pães artesanais, salada caprese, salada Caesar, camarões com molho golf e palmito. Já nos Salões Cancun e Bariloche serão oferecidos paella, pernil de porco com seu molho, pequenos sanduíches de “bombom” de filé com molho de maionese, alface e tomate, massa garganelli ao molho pomodoro, “lunetas” de queijo com molho de champignon e presunto cru com ervas, sobremesas e chocolates. Uma sala VIP reserva aos participantes estação de caviar, salmon Wellington, cascata de chocolates, frutas, brownies, merengues e alfajores. Quem adquire o ingresso VIP terá ainda direito a degustações assistidas por sommeliers.

Se estiver por lá, não ignore estas vivências que com certeza marcarão este verão. Enjoy!

6 bairros essenciais em um city-tour por Buenos Aires!

Rivalidade futebolística a parte, Buenos Aires é simplesmente uma cidade encantadora! Já fui 1000 vezes e não me canso de voltar. Dona de bairros marcantes, gastronomia vibrante e uma vida noturna pra lá de fantástica, a capital argentina é cativante, fabulosa e cheia de atrativos para os turistas em qualquer estação do ano.

Perder-se pelas belas e arborizadas ruas de Buenos Aires, aliás, é uma divertida e prazerosa opção de passeio a se fazer. Desbravar os icônicos bairros da capital argentina também. Mas antes de sair caminhando, pegue aqui com a gente algumas dicas clássicas da cidade e divirta-se!

Plaza de Mayo

Casa Rosada in Plaza de Mayo

A melhor maneira de desbravar Buenos Aires é a pé, e se bater uma canseira tem o metrô que vai para quase todos os lugares interessantes da cidade. E uma ótima maneira de começar é por meio do bairro Plaza de Mayo, que é o centro histórico e político da capital argentina. A região abriga alguns dos pontos turísticos mais importantes da metrópole, como a Casa Rosada, a sede da Presidência Argentina, a Igreja Catedral Metropolitana e o El Cabildo, uma importante construção onde foi declarada a Revolução de Maio de 1810. Por ali também você vai se esbarrar com o grandioso Theatro Colón, se puder entrar, entre!

Centro

O centro também é um ótimo bairro para longas caminhadas, principalmente durante o dia, quando o clima boêmio ainda não se instaurou pela região. Eu sempre me hospedo por ali, aliás, sempre achei uma excelente ideia. A região é bem atendida pelo metrô e oferece uma grande variedade de hotéis com bom custo benefício, como o Pestana Buenos Aires, que fica pertinho da Avenida 9 de Julio. Destaque para a Calle Florida, que já foi uma das mais movimentadas da cidade e possuí centenas de lojas de souvenirs, restaurantes e bares, hoje já não tem mais tanto o glamour de antigamente, mas mesmo assim vale a visita se você estiver disposto a encontrar boas ofertas de compras. Ao lado, a Plaza San Martín, uma das maiores de toda a capital, tenha tempo para tomar um cafezinho em um dos bares que tem ao arredor, vale a vista!

Recoleta

BUENOS AIRES, ARGENTINA – NOVEMBER 2017 – View from the second floor of the Ateneo library in Buenos Aires, Argentina

Caminhar aqui no belíssimo bairro da Recoleta, é obrigatório! As ruas são repletas de árvores e prédios de inspiração madrilenho-parisiense. A região, inclusive, conta com diversas lojas, bancos e livrarias ideais para se perder durante uma manhã. A livraria El Ateneo, que fica num antigo teatro com mais de 100 anos de história, é um dos destaques do bairro. Ela é considerada uma das mais bonitas do mundo. Por ali também há o famoso Cemitério da Recoleta, onde está enterrada Evita Perón, o Museu Nacional de Belas Artes, a Igreja Nossa Senhora de Pilar e a grande escultura de aço em forma de flor que abre e fecha suas pétalas dependendo da hora do dia, o Monumento Floralis Genérica.

Palermo

El Rosedal Rose Park at Bosques de Palermo (Palermo Woods) – Buenos Aires, Argentina

Jovem e descolado, Palermo é o maior e mais tradicional bairro de Buenos Aires e é dividido em duas partes: Palermo Soho e Palermo Hollywood. Mas apesar dessa subdivisão, a nomenclatura não é utilizada com frequência. Para quem gosta de agito, Palermo é o local certo. A região possuí uma grande variedade de bares e restaurantes e é o epicentro da vida noturna de toda a capital. O Bosque Palermo, que tem mais de 80 hectares e a Plaza Serrano, também são pontos de interesse a se visitar na região, que é muito boa para compras. As melhores outlets da cidade estão na Avenida Córdoba. E neste bairro tem um dos meus restaurantes preferidos La Calabrera (http://lacabrera.com.ar/)

La Boca

O River Plate que nos desculpe, mas uma visita a La Boca, bairro onde está situado o estádio do Boca Juniors e a inconfundível e colorida rua de Caminito é essencial. Ambos são importantes pontos turísticos da cidade e, por conta da proximidade, podem ser feitos em um único dia. Em La Bombonera é possível visitar o museu do Boca, contemplar os troféus, visitar os vestiários e olhar o gramado bem pertinho.

Já na atração turística mais visitada de Buenos Aires, o Caminito, o importante é sair bem na foto e postar nas redes sociais enquanto se toma uma cerveja ou vinho no bar mais próximo. Por ali também terá oportunidade de assistir um show de tango em plena luz do dia.

San Telmo

Tourists shop in San Telmo flea market

O meu bairro preferido em Buenos Aires! San Telmo, além de ser um chamosissimo lugar, é o bairro mais antigo da cidade, a dica é passear com calma e sem pressa. As ruas de paralelepípedo, os bares e restaurantes locais, assim como as lojinhas, barraquinhas e livrarias dão um toque de cidade do interior ao bairro.

Aos domingos, uma boa pedida é visitar a feirinha de antiguidades, que começa na Praça Dorrego e vai até a Casa Rosada, é nesta feira que eu compro copos de champanhe dos anos 50 e 60 por preços quase que insignificantes, não perca esta chance!Outro hit do bairro é a estátua da Mafalda, na esquina das ruas Chile e Defensa, que é bastante concorrida para fotos entre os turistas. #Olhaaselfie! 😉