Bar Candeeiro oferece delicias da cozinha brasileira sem frescura!

Esta semana tive a chance de voltar ao Candeeiro, um lugar pensado para os amantes da boa culinária brasileira. Ele está localizado nos Jardins, onde era o antigo Obá, restaurante que durante anos foi um dos tailandeses queridinhos da cidade.

 Agora a proposta é outra, o Candeeiro exala um ambiente mais alegre e com alma brasileira, onde você poderá ouvir boa música, tomar bons drinks feitos pelo barman ZULU e se esbaldar com petiscos simples e saborosos, como mandioca frita ou um crocante bolinho de arroz.

E assim eu comecei minha noitada, com uma das entradas mais solicitadas pelos paulistanos de plantão, Coxinha Caipira (R$22,00). Aqui não rola a versão tradicional, a massa é feita com mandioquinha e recheada com galinha caipira.  Ingredientes simples também, porém denota mais sabor e doçura à tão amada coxinha. Também vale mencionar a sua crocância que estava no ponto perfeito! Comi várias….

Outra entrada indispensável e especial do bar são os seus Acarajés (R$16,00), feitos com massa de feijão fradinho e servidos com camarão seco, caruru, vatapá cremoso, vinagrete e pimenta. Sinceramente? Prefiro esta versão do que as que eu vivo comendo quando vou a Salvador. Os bolinhos daqui são mais suaves, com texturas mais leves e fritos em azeite de dendê de forma mais sábia. É tão avantajado que, se bobear, você vai querer repetir e não comer mais nada. Para comer como se não houvesse amanhã!

E se o teu lance é ficar nas fritadas, então embale com os Croquetes de Costela (R$22,00), comi quase que ajoelhada! Feito com batata, chega à mesa bem recheado, com carne farta totalmente no ponto e molhadinha, e com uma bela fritura. Adoro!

Pratos principais? Claro que sim! E fui logo pedindo o Picadinho de Filé (R$48,00). Ok, não é um prato nordestino, mas sempre quando vejo no menu eu literalmente não resisto, faz parte do meu DNA paulistano amar picadinhos (risos). A chef prepara as lascas macias com o molho da própria carne, o que eleva o sabor em muitos decibéis. O picadinho daqui ganha companhia saborosa: pastel de queijo da Serra Canastra, ovo pochê, feijão, tartar de banana (sensacional!) e farofinha da casa. Bem formatado, trazendo um mix de simplicidade com toques requintados de chef que aprecia realizar uma boa receita. Amei!

Quer uma pegada mais leve e com cara de nordeste? Então vá de Moqueca de Camarão (R$52,00)! Já comi duas vezes aqui e não resistirei em pedir pela terceira vez, quando retornar. Nesta segunda experiência entendi que o lance da chef Tamires Xabregas é a farofinha da casa que ela faz (a mesma que acompanha o picadinho), que tem um sabor agridoce e uma consistência que dá uma boa sensação ao palato, muito especial! Os camarões eram generosos e macios, e os pedacinhos de banana que acompanham o molho dão aquele sabor doce necessário. Quem tem um paladar nostálgico, como o meu, vai amar esta receita que tem um quê de Bahia, só que com graus de leveza acima do esperado.

E se ainda tiver fôlego para uma das sobremesas da casa não dispense o Cuscuz de Tapioca e Coco (R$12,00), uma combinação certeira e extremamente deliciosa. A consistência suave e reconfortante do bolinho cremoso, coberto generosamente com leite condensado e coco ralado na hora, nos traz aquela sensação afetiva que só um doce caseiro é capaz de proporcionar.

Lugar simpático, com serviço gentil, chef que sabe o que faz e preços camaradas, tomara que o Candeeiro vingue no cenário gastronômico da cidade, porque estar ali é muito bom! E tenha certeza que todos que passam por ali são contagiados pela energia encantada que ele oferece aos seus visitantes.

Serviço
Bar Candeeiro
R. Dr. Melo Alves, 205
Cerqueira César, São Paulo – SP
Tel: (11) 3086-4774

Credito Imagens: Roberto Salgado

Curta e siga:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *